Stranger Things 2: erros e acertos

Oi gente, tudo bem?

Não costumo resenhar séries por temporada aqui no blog e pretendo continuar não o fazendo. Contudo, Stranger Things é um verdadeiro fenômeno e sua continuação foi muito aguardada. Como já resenhei e recomendei a série por aqui, no post de hoje resolvi fazer um balanço entre os erros e acertos da nova temporada. Obviamente, esse post está cheio de spoilers! 😉 Aviso dado, agora vamos lá!

Erros

Pra mim, a temporada realmente ficou boa a partir do 6º episódio (apesar de já ter gostado do 5º). Complicado, considerando que foram apenas 9 no total. Isso quer dizer que mais da metade da season não foi tão bacana quanto eu esperava. Vou tentar explicar o porquê:

nancy jonathan stranger things 2

Excesso de plots: ao expandir o universo construído na primeira temporada, acredito que Stranger Things tenha exagerado. Temos a relação Eleven x Hopper, a busca pelo passado de Eleven, as consequências do que aconteceu com Will, a aproximação com Max, o drama familiar de Max, mais crianças parecidas com Eleven, a investigação e exposição da morte de Barb… Foram tantas coisas acontecendo paralelamente que em determinados momentos tive a sensação de estar vendo uma colcha de retalhos. Minha atenção vagou em vários momentos e a vontade de maratonar não foi tão grande (apesar de eu ter feito isso anyway, hihihi). Isso é bem triste, considerando que a série me prendeu já no primeiro episódio na season anterior.

kali eleven stranger things 2.png

Kali/Episódio 7: como a primeira cena de Stranger Things 2 foi uma apresentação da 8 (que posteriormente descobrimos se chamar Kali), eu imaginava que ela teria mais importância. No fim, sua participação resumiu-se a um episódio isolado no qual Eleven conhece um pouco mais sobre seu passado e sobre essa antiga amiga/”irmã” de laboratório. A sensação que fica, pelo menos por enquanto, é que foi uma expectativa gerada meio à toa, já que o episódio foi meio fechado em si mesmo. A única coisa útil dele foi que Eleven aprendeu a canalizar melhor seus poderes, o que permitiu à garota vencer o Devorador de Mentes na season finale.

dustin stranger things 2.png

Dustin vacilão: O QUE FIZERAM COM O MEU DUSTIN??? Se na primeira temporada ele era o garoto mais inteligente e sensato do grupo (sempre com ótimos insights e acabando com as brigas dos amigos), nessa ele foi meio pamonha. Além das piadas dele terem ficado um pouco forçadas em algumas cenas (especialmente nos episódios finais), o Dustin ADOTA UMA LESMA DO MUNDO INVERTIDO COMO PET, PUTA QUE PARIU! Que ideia de jerico foi essa? Tudo bem que ele estivesse encantado pela Max (faz parte da idade), mas o Dustin sempre foi muito esperto. Na primeira temporada ele jamais faria isso, especialmente às custas da segurança dos amigos. Em determinado momento, quando Will revela que aquela “lesma” era oriunda do Mundo Invertido, o Dustin não apenas esconde o fato de que está com ela, como a protege! Sério, essa foi uma das decisões de roteiro mais difíceis de engolir.

max billy stranger things 2.png

Muito tempo de tela para Billy: Max ganhou importância ao longo da temporada, e acho bacana explorar a personagem e o contexto que a envolve. Mas já entendi que o Billy é um cuzão personagem detestável na primeira cena em que ele surge. Não precisavam ter perdido tanto tempo mostrando o personagem fazendo as mesmas coisas: maltratando a irmã, implicando com o Lucas e provocando o Steve.

Acertos

Agora vamos ao lado bom da temporada? ❤ Felizmente, eles foram mais abundantes (apesar de terem levado alguns episódios pra acontecer):

will byers stranger things 2

Will em destaque: eu me afeiçoei ao Will de cara na primeira temporada. Sempre que Jonathan ou Joyce se lembravam dele, eu podia perceber a criança doce e cativante que ele era. Por isso, estava ansiosa pra vê-lo com maior destaque na continuação, e isso felizmente aconteceu (apesar das circunstâncias difíceis). Noah Schnapp dá um show de atuação, especialmente nos momentos em que vemos Will lidando com o fato de estar conectado ao mal que assola Hawkins e sofrendo as consequências do que aconteceu no ano anterior.

steve stranger things 2.png

Steve “Awesome” Harrington: apesar de Steve começar a primeira temporada sendo o típico galã meio babaca, eu sempre vi potencial no personagem. Sempre acreditei no seu amor pela Nancy e na sua boa índole – mesmo quando as pessoas o criticavam e diziam que ele era um idiota. QUERO VER FALAREM MAL DELE AGORA HAHAHA! O personagem cresceu muito, teve uma participação ainda mais importante e provou pra todo mundo porque ele merece o lugar dele no meu coração!

dustin e steve stranger things 2.png

Parceria entre Steve e Dustin: aproveitando que falei do Steve ali em cima, outro acerto da temporada foi a parceria inusitada entre ele e Dustin. Os dois se unem para enfrentar “Dart” (apelido do filhote de Demogorgon que Dustin criou) e, em meio aos planos, Steve dá dicas amorosas pro Dustin e impressiona o garoto ao servir de isca para a criatura. Muito amorzinho! ❤

jonathan nancy stranger things 2.png

Jonancy: eita tensão sexual que não se desenrolava nunca! Apesar de ter ficado de coração partido pelo Steve, eu torcia pelo Jonathan e pela felicidade dele (adoro os underdogs, admito). Consequentemente, queria que ele ficasse com a Nancy, até porque acredito que a química entre eles sempre funcionou muito bem. ❤

bob joyce stranger things 2.png

Bob Newby: apesar de shippar a Joyce com o Hopper, gostei muito de Bob, o namorado dela. Ele é um cara legal, que realmente se importa com Joyce e sua família. E depois de viver um relacionamento tóxico com o ex-marido e ainda lidar com toda a situação envolvendo Will, foi bom ver alguém estável capaz de fazer Joyce feliz. Bob é um amorzinho! E, além disso, é interpretado por Sean Astin, o Sam (um dos meus personagens favoritos de O Senhor dos Anéis). ❤ Minha única tristeza em relação a esse personagem foi o seu fim: ele finalmente virou o Bob Super-Herói. 😥 Sofri e chorei com a cena de sua morte, mas também entendo que – sendo realista – o personagem não tinha uma grande função no futuro da série.

barb stranger things 2.png

Família Holland lidando com a morte da Barb: uma das coisas estranhas (ba dum tss) da temporada anterior foi a pouca importância dada pro desaparecimento de Barb. Isso chegou até a virar meme na época! Na season atual, porém, os roteiristas deram a devida atenção a isso, concluindo de vez essa ponta solta.

trilha sonora stranger things 2.png

Trilha sonora: nessa temporada, diversos clássicos fizeram parte da trilha sonora. Além de Should I Stay or Should I Go, tivemos também Rock You Like a Hurricane, Love is a Battlefield, Time After Time, Every Breath You Take… só musicão!

mike e eleven stranger things 2.png

Baile da Neve: essa cena foi maravilhosa simplesmente pelo fato de dar algum respiro aos personagens. Pela primeira vez desde que tudo aconteceu, pudemos ver as crianças sendo… crianças! E isso traz um pouco de conforto aos nossos corações, principalmente após uma temporada tão intensa e cheia de sofrimento.

Talvez eu tenha sido um pouco grumpy nas minhas críticas, ou talvez o Monstro da Expectativa tenha feito com que eu me decepcionasse um pouco, principalmente no início da temporada. De modo geral, senti que a segunda temporada foi um “filme 2” que foi ótimo, mas não tão bom quanto o “filme original”. No 6º episódio, a série ganhou novamente o ritmo e as características que me fizeram amá-la de cara no ano passado: enredo envolvente, núcleos de personagens interagindo, tensão, suspense e aquela pitadinha de terror. 

Gostaria muito de saber o que vocês acharam da season e também das minhas observações. Me contem nos comentários? 😉

Beijos e até semana que vem!

33 comentários sobre “Stranger Things 2: erros e acertos

  1. Olá, Priih.
    Eu estou assistindo ainda, estou no sexto episódio agora. Mas li a postagem porque não ligo para spoiler. Eu vi muita gente comentando que se decepcionou. Acho que são as expectativas porque eu apesar de ter amado a primeira temporada, não estava tão ansiosa para essa e estou gostando bastante. E gostei muito do Will ter mais espaço.

    Prefácio

  2. Oi Priih, tudo bem? Pra mim me empolgou desde o incio, acho até que foi melhor que a primeira hehehhee mas o plot da Nancy foi muito chato e o caso da irmã da Eleven tb, embora isso será explorado na próxima temporada! E o Will, meu Deus aquele ator é mesmo incrível!! ❤ Agora é ter que esperar pela próxima temporada!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

  3. Acho que a única parte que até me batia uma preguiça em assistir, era a parte que a Eleven fugiu e foi procurar a mãe e depois encontrou aquele grupo de pessoas com a “irmã” dela. Tudo bem que foi interessante mostrar da onde a Eleven veio, sua mãe e tudo mais, mas sei lá, não curti. Eu super gostei que focou bastante no Will também, acho ele um fofo. E eu fiquei torcendo pela Nacy e Jonathan, desde a primeira temporada haha.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

  4. Oi, Priih

    Eu não li a postagem, pois pretendo assistir a série, pelo menos o piloto e mais uns dois, aí se eu não curtir eu volto aqui e leio. Hahahaha
    Eu meio que não entendo esse “culto” a esta série, todas as referências que ela possui são consideradas trash por tantas pessoas, mas aí na série é legal! Hahahahahaha
    Vou assistir só pra confirmar minhas suspeitas ou morder a língua… vamos ver!

    Beijos
    – Tami
    http://www.meuepilogo.com

  5. Oi Pri
    também fiz resenha de Stranger Things no meu blog.
    Concorod em tudo que você escreveu.
    Também reparei esses erros e gostei mil vezes mais da primeira.
    A segunda só começou acontecer as coisas nos episódios finais
    os primeiros episódios estavam me dando um pouco de sono por estarem muito parados.
    Mesmo assim eu sou fã da série.
    beijão
    Karina Pinheiro

  6. Eu achei o 7 epi completamente desnecessário… Sério!
    Porém eu gostei e quero pensar que esses erros foram propositais.. Pq como uma 3 temporada e tudo resolvido fica difícil trabalhar.
    Espero que seja isso rs.
    Eu me apaixonei pelo Will

  7. Eu tive quase as mesmas impressões que você tanto nos acertos quanto nos erros!
    Mas mesmo com essas irregularidades, curti essa temporada por ainda sustentar a vibe aventuresca da primeira e já to ansioso pra próxima!
    Abraço!

    ficcaocomentada.wordpress.com

  8. Oi, Priih.
    Ainda não vi nem a primeira temporada, acho que só vi dois episódios.
    Tenho que terminar de ver essa série logo! Está muito comentada.
    Não li a resenha porque você disse que tem muitos spoilers… Então prefiro não ler pra não perder o suspense haha
    Abraços.

  9. Olá Priih!
    Td bem?
    Acredita que postei a pouco tempo resenha dessa série? kkkkkkkk
    Olha só, concordo com vc, realmente o inicio da segunda temporada foi muito arrastado. Tipo, arrastado demais! Mas depois ficou melhor, quando a Eleven quis tomar as decisões dela e não ser levada pelas circunstâncias sabe. Claro que o relacionamento da Eleven com o Hopper ficou parecendo referencia a “The Last of us”, mas a quem podemos culpar? Ficou bacana mesmo assim. E muitas coisas bacanas acabaram acontecendo. No geral ficou bom. Mas eu realmente quero ver na terceira temporada a Eleven interagindo com o o Will. Sério, isso ainda não aconteceu. Sem falar que coitado do Mike, ele teve poucas cenas com a Eleven. Infelizmente Mike ficou bem apagado nessa temporada 😦
    Bjos
    http://www.kelenvasconcelos.com.br/

  10. De forma interessante, os irmãos Matt e Ross Duffer, criadores da série e diretores dos dois primeiros e dois últimos episódios da temporada, optaram por inserir uma cena de abertura com personagens novos, o que acaba sendo um choque para o espectador, que esperarava reencontrar de cara as queridas crianças. Desde que vi o elenco de Stranger Things imaginei que seria uma grande produção, já que tem a participação de atores muito reconhecidos, Pessoalmente eu irei ver por causo do actor Charlie Heaton, um ator muito comprometido (recém a vi em SHUT-IN para uma tarde de lazer é uma boa opção.), além disso, acho que ele é muito bonito e de bom estilo. Não posso esperar para ver a nova temporada, estou ansiosa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s