Tatuagens geeks #4

Oi, povo! Como estão?

Faz tempo que eu não trago inspirações de tatuagem por aqui, né? Acreditam que, desde que o primeiro Tatuagens literárias foi ao ar, eu escrevi exatamente 1 post com essa temática por ano? Juro que foi sem querer HAHAHA! O feedback a esse conteúdo é sempre muito bom, então prometo que vou tentar me organizar pra trazê-lo com mais frequência aqui no blog. 🙂

Também resolvi mudar o título da coluna, porque isso já vinha me incomodando há algum tempo. “Tatuagens literárias” acabava me limitando, e eu acho que a palavra geek engloba mais referências que eu gosto.

Sem mais delongas, vamos conferir a lista de tatuagens super bacanas que eu trouxe pra vocês? \o/

hobbit.png

O Hobbit (J. R. R. Tolkien)

os instrumentos mortais.png

Os Instrumentos Mortais (Cassandra Clare)

o pequeno principe.png

O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry)

yoda.png

Star Wars

himym.png

How I Met Your Mother

Cada vez que eu pesquiso pra escrever esses posts, fico com vontade de me tatuar de novo! ❤
Infelizmente, se eu fosse homenagear tudo que gosto, faltaria espaço na minha pele HAHAHA!

E vocês, curtiram as ideias de tattoo? 😉
Me contem nos comentários!

Beijos e até semana que vem! ❤

TAG: Ler É Um Presente

Oi pessoal! Estão aproveitando bastante esse feriadão? 😀

Apesar de ter alguns conteúdos “atrasados” aqui pro blog, deu uma vontade súbita de fazer um tipo de post que não faço há meses: responder a uma TAG! \o/
Eu acho TAGs super divertidas, e pra hoje escolhi a Ler É Um Presente, criada pelo blog Uma Pedra no Caminho! 🙂

tag ler é um presente

1. “É só uma lembrancinha…”
Um livro curto ou com menos de 100 páginas que tenha te encantado.

o pequeno príncipe antoine de saint-exupery capa

O Pequeno Príncipe é um clássico que me encantou desde a primeira leitura. Quando li pela segunda vez, gostei mais ainda. ❤ É curtinho, mas cheio de belos ensinamentos. Tem resenha aqui. 😉

2. “Não precisava!”
Um livro que você amou ganhar de presente ou qual tipo de livro você mais gosta de ganhar.

o livro dos artefatos mágicos harry potter

Amo ganhar qualquer um dos livros especiais de colecionador do universo de Harry Potter! ❤ Meu namorado já sabe que é sempre um acerto escolher esses livros HAHAHA! O último que ganhei dele foi O Livro dos Artefatos Mágicos! ❤

3. A embalagem perfeita
Uma capa sensacional.

game of thrones por dentro da série da hbo.png

Gente do céu… a foto não faz jus à beleza desse livro, sério! Game of Thrones: Por Dentro da Série da HBO tem uma capa almofadada com vários detalhes brilhantes/envernizados, incluindo o título. Ainda não fiz review dele por aqui, mas se vocês quiserem, posso fazer! ❤

4. Presente dos deuses
Um livro que mudou sua vida.

pedra filosofal

Coloquei Harry Potter e a Pedra Filosofal aqui pra representar a série que mudou – e ainda muda – minha vida pra sempre! ❤

5. Surpresa!
Um livro que você começou a ler sem muitas expectativas e te conquistou.

@mor

Eu nunca tinha ouvido falar em @mor quando comecei a lê-lo, mas em poucas páginas me vi envolvida pela história e pelo estilo de narrativa, que até então era novidade pra mim: troca de e-mails. Tem resenha aqui. 🙂

6. “É a sua cara!”
Uma narrativa ou personagem com os quais você se identifique.

hermione

Não é novidade pra ninguém que a personagem com quem mais me identifico é a Hermione Granger, né? Também fui uma criança nerd e meio metida a sabichona. 😛 Também sou super fiel aos meus amigos e muito determinada em relação aos meus objetivos.

7. Presente de grego
Um livro que não era nada do que você pensava e te decepcionou.

harry-potter-e-a-crianca-amaldicoada

Difícil escolher um livro pra essa categoria… então fico com Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, que foi uma leitura um tanto decepcionante. Também tem resenha aqui no blog!

8. “Mais afortunado é dar do que receber…”
Um livro especial que você deu de presente ou daria.

eleanor-park-rainbow-rowell

O último livro que dei de presente foi também um dos livros que mais gostei no último ano: Eleanor & Park. ❤ Tem resenha aqui!

9. “Pode trocar, se precisar!”
Um livro que você começou a ler, mas teve de parar: não deu para continuar!

twd

Já falei sobre esse livro em outras TAGs, e repito aqui: bah, não deu. The Walking Dead: A Ascensão do Governador é tedioso, me deu sono e, por mais que eu não goste de desistir de uma leitura, fui obrigada a deixar esse livro de lado.

10. Ainda na wishlist…
Aproveite o momento para dar aquela dica do que quer ganhar! 😉

harry potter e a camara secreta ilustrado

Meu sonho de consumo no momento é Harry Potter e a Câmara Secreta (Edição Ilustrada)! ❤ #fikdik

E então pessoal, curtiram a TAG? 😉
Gostaria de convidar os seguintes blogs a participar também, mas sintam-se todos convidados a responder:

Caverna Literária
A Colecionadora de Histórias
O Que Tem Na Nossa Estante
Cantinho Para Leitura
My Dear Library
Estante da Ale
News Nessa
Balaio de Babados
Espilotríssimo
Interrupted Dreamer

Beijos e até semana que vem! ❤

Parceria e entrevista: Natalia Smirnova Moraes

Olá, pessoal! Tudo bem?

Fico muito feliz em trazer essa novidade pra vocês: o Infinitas Vidas agora é parceiro da autora Natalia Smirnova Moraes, ou NS Moraes! 😀
Sua obra, O Saotur – Segredos de Um Reino Sem Nome, é o primeiro volume de uma série de fantasia. Vamos conhecê-lo?

O Saotur - Natalia Smirnova Moraes - Livro 1.jpg

Sinopse: Se o bater das asas de uma borboleta pode causar uma tempestade do outro lado do mundo, poderia então uma pérola afetar o destino de uma raça inteira? Depois de se aventurar pelo mundo em um navio de saqueadores e criminosos, Constantin Teller é levado por um trágico naufrágio à terras das quais o mundo nunca ouviu falar. Terras guardadas por escudos de Menelau como se fossem o maior dos segredos. O forasteiro é resgatado por Lyhty Morken Fin, uma jovem que chama a atenção pelo olhar de cor púrpura e vitalidade contagiante, e que torna-se uma amiga para a qual ele confessa uma vida de crimes e promiscuidade. Aspirante a escritor, Constantin deseja espiar seus crimes quando é levado até a capital onde passa a morar. Mas nem tudo está em paz nessas terras estranhas e a aparição do forasteiro apenas esquenta ainda mais os ânimos de um povo dividido, de uma raça oprimida e de um castelo envolto em mistérios. Um confronto entre o povo das águas e o reino já é inevitável. Aventuras, segredos, traições, orgulho e amores proibidos são apenas algumas das facetas de um lugar cuja existência foi oculta por séculos. Histórias envolventes que vão mudar o rumo de muitas vidas, criaturas majestosas e revelações chocantes ilustram os capítulos deste livro.

Chegou a hora da gente conhecer um pouquinho mais sobre a autora. 😉 Convidei a Natalia a participar da entrevista que faço com os autores parceiros aqui do blog. Confira as respostas!

natalia smirnova moraes o saotur.png

1. Como e quando você decidiu ser escritora?

Jamais decidi isso. Acredito que isso foi decidido por mim no momento em que me dei conta de que as histórias me “chamavam”. Onde quer que eu estivesse (especialmente no carro ouvindo música) um mundo inteiro estava se desenvolvendo em minha cabeça. Sempre foi assim, desde pequena. Por conta dos shows de circo (eu sou circense, hoje só de alma) eu demorava muito para dormir depois dos espetáculos e ficava na cama olhando o teto, imaginando as histórias mais incríveis do mundo. Comecei a escrever depois dos vinte, quando já dominava melhor o idioma (o português é tão complexo quanto o russo). Havia uma história “rodando” em minha cabeça e ela não me deixava em paz. Fui escrevendo e peguei o gosto pela coisa.

2. Quais autores foram as suas maiores inspirações no mundo literário?

Não tenho nenhum autor favorito, pois me apaixono pela obra. Seja música, cinema, personalidades o que me conquista é a obra. Devo dizer que os clássicos predominam nesse sentido. Eu tenho um livro favorito de toda a vida, O Conde de Monte Cristo por Alexandre Dumas é um livro que me inspira sempre. Lembro-me de quando tinha doze ou treze anos e minha mãe leu Os Três Mosqueteiros e Romeu e Julieta, ainda em russo na época. Aquelas histórias me impressionaram muito.

3. Como foi o processo de desenvolvimento de O Saotur – Segredos de um Reino sem Nome? Quais foram as partes mais bacanas e as mais difíceis ao longo desse processo?

A criação de O Saotur foi uma jornada ao desconhecido. Não tinha em mente nada específico quando comecei, apenas alguns personagens. Eu só descobri quem era o personagem principal quando já estava terminando o livro. A parte mais incrível foi descobrir coisas eles que eu não sabia (parece estranho, mas é verdade). A parte mais chatinha foram as pontes entre um ponto marcante e outro. É muito excitante escrever as grandes revelações, as batalhas e os segredos, mas entre um ponto e outro é necessário desenvolver a história de uma forma inteligente. Não pode ficar chato, não pode parecer “enchimento de linguiça”. Essa parte foi trabalhosa.

4. Você teria alguma dica para quem também deseja publicar seu próprio livro?

Tratando-se da escrita, a minha dica é: lute para tornar-se um clássico e não uma moda. Escreva por amor primeiro. Depois você terá todo o tempo do mundo para tratar seu livro como o produto que ele é. Tratando-se de publicação eu só posso dizer uma frase: marketing é tudo. Invista, erre, aprenda.

5. Fique à vontade para deixar um recado aos leitores do Infinitas Vidas!

Tenha sempre em mente o motivo pelo qual você escreve. Nunca arrume motivos supérfluos para justificar algo tão importante quanto a escrita. Ame o que está fazendo e pode ter certeza que o sucesso e fortuna serão consequências.
Agradeço a oportunidade e espero que essa parceria vá longe. Beijos!

Dicas preciosas, hein? 😉
Concordo totalmente com a Natalia: acima de tudo, o importante é escrever com amor! ❤

Espero que tenham gostado da novidade!
Fiquem ligados, porque em breve teremos mais conteúdo sobre O Saotur por aqui. \o/

Beijos e até semana que vem! :*

Parceria e entrevista: Alana Gabriela

Oi, meu povo! Tudo certo com vocês?

Sim, o blog tem mais uma parceria pra anunciar: dessa vez com a autora Alana Gabriela! ❤
Eu estou super feliz com esse início de ano, que veio cheio de surpresas bacanas!

A Alana tem diversos livros publicados, vamos conhecê-los? 😉

obras alana gabriela.png

A Estranha Mente de Seth: Seth R. é um jovem extremista, um pensador que vive entre aulas matinais na faculdade e noites de treino numa sociedade clandestina e assassina em Vojerasa. Seth tem duas obsessões que controla com frieza e paciência: manter Lauren, seu amor platônico e sôfrego, pura para sempre e matar o conde Luendres Marquez. Tudo foi planejado. Ele tem um plano perfeito. O mártir perfeito em quem se apoiar. Seth fará o impensado e causará a Primeira Grande Guerra.

Efeito Dominó – Parte I: “É melhor ser enganado do que não confiar.” Um assassinato. Um caso sem suspeitos… Uma testemunha ocular misteriosa. Após a morte de sua mãe, Helena, em um passeio à Saquarema, Cora se vê solitária e desestabilizada pela perda do pilar de sua vida. Reclusa, a garota se torna relapsa e instável e a relação com seu pai bem como com a maioria das pessoas a sua volta fica cada vez mais distante e frágil. Sua vida caótica vira do avesso quando presencia uma tentativa de homicídio que põe a vida de Lucas, seu amigo, em perigo. No processo, Cora é feita refém de um criminoso enigmático que está disposto a tudo para trazer à luz todos os segredos que rodeiam a morte de Helena. Ela só precisa decidir entrar no jogo. Entre mentiras, assassinatos e segredos perigosos, Cora se vê num impasse pelo qual lado se aliar. Ela precisa decidir qual segredo é digno do silêncio e se estará pronta para desencadear o efeito dominó.

Flor de Cerejeira: “Qualquer um pode cometer um erro.” Yoko tinha uma vida relativamente boa e estável. Participava da organização do Festival Cherry Blossom todos os anos, tinha amigos na escola, tocava violino e estava treinando para fazer parte da orquestra da Juventude de Macon quando tudo começou a dar errado. Seu pai causou um grave acidente e foi parar na prisão. Em meio à dor da ausência, Yoko conhece Aidan Hirsch, um garoto que parece tão desestruturado, taciturno e solitário quanto ela, e que é capaz, acima de tudo, de não julgar, simplesmente ouvir. Aos poucos, um sentimento singelo e inefável ganha forma, surgindo uma história delicada de autoconhecimento, arrependimento, culpa e superação que poderá mudar a vida desses adolescentes se assim escolherem.

Histórias em Retalhos: O amor é a meta infinita da história do mundo. Histórias em Retalhos é uma coletânea de histórias curtas intrínsecas e sinceras, que narra de forma sensível o sentimento mais singelo de todos: o amor. Um relato de uma mãe introspectiva, o amor de uma irmã pelos irmãos, uma carta de uma garota apaixonada para seu melhor amigo e uma filha que enfrenta dificuldades com a perda dos pais. Além, de uma história extra sobre o descobrimento do amor pela leitura. Todas essas histórias compactam a sutileza e nuances desse sentimento dolorido, complicado e bonito em seus diversos ângulos.

E, pra terminar esse post com o pé direito, eu convidei a Alana pra responder à tradicional entrevista do Infinitas Vidas! \o/

parceria autora alana gabriela.png

1. Como e quando você decidiu ser escritora?

Helloo! Bem, eu não tinha pensado em ser escritora quando comecei a desenvolver meu primeiro livro em 2013. Eu só queria escrever uma história e comecei a fazer isso. Não foi algo premeditado. Acredito que as coisas simplesmente acontecem e se você tem uma habilidade escondida, em algum momento ele vai aparecer.

2. Quais autores foram as suas maiores inspirações no mundo literário?

Quando comecei a escrever não lia muito, tinha certa dificuldade para me concentrar então não tive inspirações literárias. Mas um autor que gosto muito é o – muso – Pierce Brown.

3. Como foi o processo de desenvolvimento dos seus livros? Quais foram as partes mais bacanas e as mais difíceis ao longo desse processo?

O primeiro livro que escrevi demorei pelo menos cinco meses. Depois disso deslanchei e passei a escrever de forma desenfreada. Acredito que o tempo mais rápido que escrevi um livro foi em um dia. Sempre estudo para escrever meus livros, então alguns tenho mais dificuldades que outros. Porque por exemplo, um livro de fantasia é muito mais complicado de escrever do que um romance, pois tem muito mais coisa para estudar e leva mais tempo em decorrência de tudo que precisa estudar.

4. Você teria alguma dica para quem também deseja publicar seu próprio livro?

Bem, é super difícil publicar um livro no Brasil, com todas as condições que um autor almeja. Mas digo que se você, novo autor, tem o desejo de compartilhar suas histórias com os leitores, encontre uma maneira de conseguir esse canal de comunicação e leitura. Eu não gostaria de dizer isso, mas a realidade é que um autor brasileiro precisa de dinheiro para ser publicado.

5. Fique à vontade para deixar um recado aos leitores do Infinitas Vidas!

Well, muito boas leituras para vocês.

Espero que tenham gostado da novidade e da entrevista, pessoal!
Em breve teremos as resenhas dos autores parceiros aqui no blog, então fiquem ligados. ❤

Beijos e até semana que vem! :*

Parceria e entrevista: André Souto

Oi gente! Tudo certo?

Lembram quando comentei que mais novidades seriam anunciadas por aqui? 😉 Pois então: André Souto, autor do livro Ossos do Clima, agora é parceiro do Infinitas Vidas! \o/

ossos do clima andre souto.png

Sinopse: O misterioso desaparecimento de um renomado cientista, um incêndio criminoso, um roubo que deu errado e as mortes inexplicáveis de diferentes pesquisadores ao redor do mundo. Aparentemente nenhum desses fatos está relacionado, mas com o desenrolar da história fica evidente cada pequena conexão. Algumas nem tão pequenas assim. Entre inúmeras perguntas sem respostas e enigmas que parecem insolúveis acontece, em Brasília, a Cúpula Mundial do Clima, pano de fundo para tramas políticas que podem mexer com algumas das mais íntimas certezas dos protagonistas da trama, assassinatos e uma caçada pelas pessoas que podem mudar a nova ordem mundial.
Junte-se a Alice Gianne e Amilton Vidal para tentar desvendar esse mistério e entender quais são os Ossos do Clima.

E é claro que eu o convidei para responder à tradicional entrevista que faço com os autores parceiros. 😉 Vamos conferir as respostas dele?

andre souto.png

1. Como e quando você decidiu ser escritor?

Em algum momento na infância migrei dos gibis para os livros, ler sempre foi uma necessidade vital do meu cotidiano. Escrever eclodiu. Ninguém nasce escritor, aos poucos, o desejo de preencher as lacunas foi se delineando impulsionado por uma vontade de contar estórias sob uma ótica brasileira, entendendo que também outras pessoas gostariam de reconhecer-se em nossas ruas e modos típicos. Terminei o primeiro livro antes dos vinte, mas não tenho interesse em publicá-lo. Comecei e abandonei outros ao longo da jornada. Escrevi uma peça de teatro, Ventre Nosso, produzida e dirigida profissionalmente pelo saudoso Wellington Dias. Redigi contos e roteirizei um deles para um curta-metragem. Elaborei artigos e textos acadêmicos. Lapidava a voz narrativa, Ossos do Clima ganhou forma a partir do momento que me senti pronto para retomar minha essência romancista.

2. Quais autores foram as suas maiores inspirações no mundo literário?

Li muitos clássicos antes de escrever. Entretanto, foram dois autores contemporâneos que mudaram o modo que enxergo a literatura, Milton Hatoum, que conheci pessoalmente em 2004; e Patrícia Melo, uma das responsáveis por minha paixão pela literatura policial. Existem vários outros, pois estou sempre querendo aprender, todo autor deve buscar dissecar as estruturas e a forma dos grandes mestres, mesmo quando se busca a especialização no gênero, período em que obrigatoriamente deve conhecer as obras daqueles que fizeram da consagrada estrutura de crime e mistérios uma vertente da literatura urbana. Quando estou escrevendo, as leituras são sempre correlacionadas ao texto em produção.

3. Como foi o processo de desenvolvimento de Ossos do Clima? Quais foram as partes mais bacanas e as mais difíceis ao longo desse processo?

Eu não tenho uma fórmula, mantenho uma rotina de escrita. O desenvolvimento de Ossos do Clima surge da temática tratada como pano de fundo da trama. Sempre que lecionava ou palestrava sobre as questões climatológicas havia uma agitação nas pessoas, percebi que muitos não conheciam as teorias, fadados a um único ponto de vista. Decidi testar as mais íntimas certezas de um maior número de leitores confeccionando um enredo policial, onde as investigações e conflitos são alimentados por uma complexidade moral orquestrada sobre uma teia eletrizante repleta de intrigas, reviravoltas e mistérios.
Uma parte bacana do processo foi aprender sobre os assuntos que permeiam a obra. São elementos e personagens que se enredam em questões globais em uma investigação lógica, um quebra-cabeças, exigindo uma profunda pesquisa, mas estudar sempre foi uma paixão.
O maior desafio consistiu na construção da protagonista, Alice Gianne, portadora de Alexitimia, um tipo raro de autismo, que inibe as reações emocionais. Confeccionar as cenas sob um ponto de vista complexo, em analogia à trama, exigiu o desenvolvimento de uma técnica de percepção escrita a fim de parecer verossímil, e fazer com que o leitor sinta-se como a personagem.

4. Você teria alguma dica para quem também deseja publicar seu próprio livro?

Leia grandes livros, teóricos e ficcionais, anseie sempre melhorar a técnica, escrever melhor. Embora, muitos digam que é apenas inspiração, lembre-se, outros artistas (pintores, cantores e atores) trabalham diariamente. Crie sua rotina. A literatura nacional está crescendo, acredite em você.

5. Fique à vontade para deixar um recado aos leitores do Infinitas Vidas!

Continuem seguindo o Infinitas Vidas! Espero que curtam Ossos do Clima, trabalhei com muito carinho e determinação pensando em você, leitor. Amei escrever esta estória, desejo que experimente em cada da palavra o que senti. Estou sempre à disposição para elogios, críticas e sugestões. Vem comigo!

Meu muito obrigada ao André pela confiança e por participar dessa entrevista!
Estou ansiosa para ler Ossos do Clima e trazer pra vocês uma resenha bem bacana. 😉

E vocês, gostaram de conhecer um pouquinho mais sobre o autor e sua obra?
Me contem nos comentários!

Beijos e até semana que vem! ❤

Parceria e entrevista: Nina Spim

Oi pessoal, como estão?

Tenho uma novidade super bacana pra compartilhar com vocês: a autora Nina Spim agora é parceira do blog! Que belo modo de começar 2017, hein? ❤
E, pra iniciarmos essa parceria com o pé direito, eu trouxe pra vocês uma entrevista com a Nina e também mais informações sobre os contos dela! Espero que gostem. 😉

Sobre a autora

Nina Spim é uma escritora sonhadora dotada de blue feelings e acadêmica do curso de Jornalismo na PUC-RS. Autora dos contos “Heart and Love” e “Coisas, definitivamente, de Amélia”, das Antologias Amor nas Entrelinhas e Aquarela, respectivamente, pela Andross Editora. Autora dos contos “Caleidoscópio”, “Imersão” e “Sutilmente”, publicados na Amazon, e do conto “Roda-gigante”, publicado online na revista Fluxo. “No Silêncio de um retrato” (Antologia Ridículas Cartas de Amor, 2015), “Entre as cinzas e o fogo” (Antologia Valquírias, 2017) e poemas (Antologia Ondas Poéticas, 2016) foram publicados pela Darda Editora. Colaboradora nos sites CONTI outra, Revista Pólen e HEADCANONS.

Sobre as obras

A Nina tem três contos publicados: Sutilmente, Imersão e Caleidoscópio. Vamos conhecer um pouquinho sobre cada um deles?

contos nina spim.png

Sutilmente: Este conto se encaixa na categoria de literatura LGBT. Por duas vezes, já esteve entre os 100 e-books gratuitos mais vendidos da plataforma e constantemente aparece no ranking geral. Sinopse: A escola pode ser um ambiente hostil para se fazer amizades e, ainda mais, para se apaixonar pela primeira vez. No entanto, é justamente na sala de aula que Giovana conhece a nuance e a cor do amor. Laura poderia ser a típica aluna nova amedrontada, mas seu mundo particular, cheio de certezas escondidas, nunca mais será o mesmo depois de conhecer a libertação que o novo provoca. Compre aqui!

Imersão:  Escrito para o Prêmio Kindle de Literatura em 2015, o conto trata da depressão. Sinopse: Os dias difíceis parecem normais para todos, certo? Mas, no caso de Lou, um dia difícil é muito mais do que isso. É uma luta constante contra si mesma e seus demônios invisíveis. Caio, seu marido, a aceita como é e muitas vezes precisa ser firme. O que é a depressão para você? Até quando você poderia vê-la desgastando a pessoa que mais ama? Compre aqui!

Caleidoscópio: Também escrito para o Prêmio Kindle de Literatura em 2015, o conto traz representação a pessoas com deficiência visual. Sinopse: Conhecer o infinito nunca foi tão fácil para Júlia, até que Daniel a fez sentir que a beleza não precisa ser enxergada para ser contemplada na infinitude de quem eram. Compre aqui! 

E, pra finalizar esse post especial, confiram a entrevista! 😉

nina spim.png

1. Como e quando você decidiu ser escritora?

Eu escrevo desde criança, mas achava que era um passatempo. No ensino médio, uma professora de Português me mostrou que eu tinha potencial para a escrita, mas foi somente aos 18 anos que tive coragem de publicar fanfics como forma de saber se estava mesmo no caminho certo. Eu não acho que decidi ser escritora, eu sempre fui – apenas demorei bastante tempo para me declarar assim.

2. Quais autores foram as suas maiores inspirações no mundo literário?

No começo, foi a Meg Cabot, pois gostava de histórias como as dela. Hoje em dia, me identifico bem mais com a Virginia Woolf, Jennifer Niven, Cecília Meireles e Caio Fernando Abreu.

3. Como foi o processo de desenvolvimento de seus contos? Quais foram as partes mais bacanas e as mais difíceis ao longo desse processo?

Cada um tem um propósito diferente, então, o desenvolvimento também foi diferente. O que houve em comum com eles é que foram histórias que demorei para encontrar e que, quando nasceram, foram grandes orgulhos – e continuam sendo. Eu busco dar voz a grupos invisibilizados ou incompreendidos e essa foi a parte boa, saber que estava fazendo de coração, porque acredito na igualdade e na empatia. A parte difícil foi entender as limitações desses grupos e conseguir passar credibilidade às histórias.

4. Você teria alguma dica para quem também deseja publicar seu próprio livro?

Escreva sem amarras, sem estipular metas loucas. Mas, após terminar o rascunho (a primeira versão de algo), invista muito tempo na revisão. Também digo para não se prender a publicações físicas. Existem muitas e muitas formas de publicações hoje em dia e maneiras alternativas/independentes podem ser muito mais vantajosas do que as tradicionais/físicas.

5. Fique à vontade para deixar um recado aos leitores do Infinitas Vidas!

Oi, gente! Espero que a literatura sempre inspire vocês a buscar sonhos e a transformar aquilo que são e aquilo que desejam às pessoas ao redor.

Espero que tenham gostado da novidade tanto quanto eu!
Obrigada mais uma vez pela confiança, Nina! ❤
E aguardem, pois em breve teremos mais novidades aqui no blog. 😉

Beijos e até semana que vem!

O Infinitas Vidas completou 3 anos (e tem sorteio!)

Oi gente! Tudo bem?

No último dia 11, o Infinitas Vidas completou mais um ano de vida!
O blog já tem 3 anos de existência e, a cada ano, eu me sinto mais e mais realizada com o trabalho que faço aqui. Sabem por quê? Porque é muito gratificante compartilhar com vocês conteúdo sobre o universo literário, as séries e os filmes a que assisto e os temas que me inspiram! E eu agradeço de coração a cada um de vocês que me acompanha, que interage comigo, que me incentiva a continuar. Isso é muito importante pra mim, então meu muito obrigada!

3 anos de infinitas vidas.png

Conforme o aniversário do blog se aproximava, meu desejo por começar um novo projeto também se intensificava. Eu falei a respeito no post de fim de ano, mas agora eu posso contar o que é: o blog agora está também no Instagram! Resolvi unir essas duas paixões (escrita e fotografia) pra fazer posts em uma das redes sociais que mais gosto. Prometo que não faltarão fotos de livros, conteúdo relacionado a séries e filmes além de muita nerdice e itens geeks (que a gente adora!), então espero vocês lá! 😉

E é claro que também vai ter sorteio especial de aniversário! 😀 Mas, antes de falar a respeito, gostaria de agradecer à Amazon, que tornou possível pra mim realizar esse sorteio especial. Após algumas confusões no processo de compra, a loja me deu todo o suporte necessário e acabou me dando o livro de presente pra que não houvesse mais transtornos com cartões de crédito e afins. ❤ E, quando eu recebi a notícia, não pensei duas vezes: vou presentear um leitor do blog! E o livro em questão é o LINDO Livro dos Sith, da editora Bertrand Brasil. Ele tem capa dura e é uma obra imperdível pra fãs de Star Wars!

sorteio o livro dos sith.png

E agora vamos às informações sobre o sorteio, que vai funcionar como nos anos anteriores. Devido a algumas limitações do WordPress gratuito, o sorteio vai acontecer da seguinte forma: vocês devem preencher o formulário disponibilizado neste post e cumprir os pré-requisitos solicitados. Posteriormente, usarei o site Random.Org para sortear um número aleatório, que indicará o leitor vencedor (cujos números estarão na planilha gerada pelo formulário). Vou conferir se o sorteado cumpriu os passos e entrarei em contato via e-mail para a entrega do prêmio! 😀

Vamos às regras? Para participar, você deve:

  • Seguir o perfil do Infinitas Vidas no Instagram.
  • Curtir a página do Infinitas Vidas no Facebook.
  • Curtir e compartilhar o post da promoção em modo público no seu perfil.
  • Preencher o formulário no fim do post.
  • Ter endereço de entrega no Brasil, com alguém que possa receber o livro (eu arco com o custo do frete, mas caso haja algum problema na entrega por falta de alguém para receber o presente, eu envio novamente desde que o segundo frete seja pago pelo sorteado, ok?).

Importante! Depois que o sorteio for realizado, vou conferir se o sorteado cumpriu os pré-requisitos. Em caso negativo, refaço o sorteio. Ah! O R2-D2 é meramente ilustrativo. 😛

Super fácil, né? 😉
Então corre pra participar, o sorteio será realizado dia 12 de fevereiro!

Beijos e até semana que vem! ❤

[EDITADO em 12/02/2017, às 10:45]

Oi, povo!

E cá estou com o resultado do sorteio! 😀
Removi o formulário pra que ninguém se inscreva acidentalmente e trouxe prints (aqui e aqui) pra vocês conferirem o vencedor. Também vou colocar vídeos do momento do sorteio no Stories do Instagram. 😉

E o sortudo que vai levar O Livro dos Sith pra casa é… o Flávio da Silva Coelho! \o/ Obrigada por participar e faça bom proveito do livro novo!

Obrigada a todos que participaram e até o próximo sorteio! ❤