Dica de Série: Vikings

Oi gente, tudo bem?

Como sou fã de Game of Thrones, ao longo dos anos ouvi de vários amigos que eu também deveria conferir Vikings. E então decidi dar uma chance. 😉

poster vikings

Sinopse: Produzida pelo History Channel, Vikings apresenta os famosos exploradores, comerciantes, guerreiros e corsários nórdicos a partir do seu ponto de vista. A história é centrada em Ragnar Lothbrok (Travis Fimmel, deBeast), um agricultor e guerreiro que acredita ser descendente direto do deus Odin, que decide partir e lutar para conquistar novas terras.

Vikings é uma série baseada na vida real do Rei Viking Ragnar Lothbrok. Na série, o protagonista é um viking que deseja mais do que apenas fazer incursões em nome do conde a qual serve. Para Ragnar, o mundo é muito grande e existem diversos territórios a serem explorados (e saqueados, é claro). Com o apoio de seguidores leais, ele consegue tal façanha, causando a inveja de seu irmão, Rollo, e do próprio conde. Essa é a pontinha do iceberg, o pontapé inicial que coloca a trama (cheia de traições) em movimento.

vikings 2.png

Ragnar é um homem ambicioso e corajoso. Ele acredita ser descendente direto de Odin, o que serve como incentivo em sua busca cada vez mais ousada por territórios inimigos distantes. Em um de seus saques, ele toma como escravo o monge Athelstan, com quem começa uma amizade improvável. Athelstan acaba se afeiçoando a Ragnar e a também sua família, composta por Lagherta (sua esposa) e seus filhos. O interessante dessa relação é o choque cultural advindo dela: Ragnar passa a ouvir as histórias e crenças de Athelstan, cuja religião é o cristianismo, enquanto o monge também faz o mesmo em relação à cultura e religião nórdicos.

A trama vai se desenvolvendo gradualmente, com as conquistas de Ragnar sendo cada vez mais expressivas. Aconselho fortemente que vocês não pesquisem nenhum personagem no Google para não tomar spoilers, já que eles são baseados em figuras reais. 😛 Enfim, voltando… Conforme Ragnar ascende na hierarquia de seu povo e domina novas terras, as batalhas vão ficando cada vez maiores e mais sangrentas. Mas, para ser honesta, não achei Vikings tão brutal quanto eu esperava que fosse. Existem cenas de violência explícita, sim, mas são menos frequentes ou chocantes quanto eu imaginava.

vikings 3

A série também conta com ótimos personagens e diversas reviravoltas. Lagherta é um exemplo de mulherão da porra que enfrenta várias adversidades de cabeça erguida, além de ser uma guerreira tão incrível quanto qualquer homem. Seu filho, Bjorn, também é um dos meus queridinhos, tendo grande força física e, principalmente, de caráter. Ragnar, entretanto, é alguém de quem eu não gosto. Ele trata as mulheres com quem se relaciona de modo péssimo (embuste, cof cof) e tem uma arrogância difícil de engolir. Com o passar do tempo, mais personagens controversos entram na história, o que acaba gerando mais traições e situações inesperadas.

vikings

A produção da série, os figurinos e a ambientação são incríveis e transportam o espectador para os tempos medievais. Entretanto, nem sempre a narrativa é tão instigante a ponto de nos querer fazer maratonar. Existem momentos alucinantes em Vikings, mas durante algumas fases da série eu meio que me forçava a continuar. Ou seja, é uma produção de grande qualidade, mas que tem seus altos e baixos em alguns plots. Então, para concluir: se você curte séries medievais com muitas lutas, sangue, traições e intrigas políticas, Vikings é pra você!

Título original: Vikings
Ano de lançamento: 2013
Criador: Michael Hirst
Elenco: Travis Fimmel, Katheryn Winnick, Clive Standen, Jessalyn Gilsig, Gustaf Skarsgård, George Blagden, Alyssa Sutherland, Alexander Ludwig

24 comentários sobre “Dica de Série: Vikings

  1. Olá, Priih.
    Eu fico com receio de assistir essa série porque tenho o estômago meio fraco para cenas muito fortes hehe. Meu irmão é super fã e vive falando para eu assistir. Não sei, quem sabe eu assisto o primeiro episódio para ver o que acho.

    Prefácio

  2. Inspirados em figuras reais? Não sabia, adorei! Vários amigos meus são viciados em Vikings e em outras séries do estilo do tipo GOT, mas eu confesso que não consigo curtir esse estilo medieval, nem em filmes, sabe? E olha que já tentei hahah mas como sou teimosa, não duvido que qualquer dia desses eu decida assistir o piloto de Vikings, só pra ver se eu curto ou não mesmo. Adorei a resenha!

    Um beijão,
    GABS | likegabs.blogspot.com

  3. Oi Prih,
    Ah, GoT é uma das minhas favs atuais, acho até concidências que as duas vão finalizar na mesma época haha.
    Eu ainda pretendo maratonar, só leio altos elogios a Lagherta, quero muito conhecer hehe
    E ainda tem o irmão do meu crush mor no elenco!

    até mais,
    Canto Cultzíneo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s