Dica de Série: Game of Thrones

Oi, pessoal!

Hoje tem mais uma Dica de Série aqui no blog! 😀 E resolvi falar sobre uma das séries do meu top 3: Game of Thrones! Eu estou assistindo novamente à primeira temporada pra tentar viciar também o meu irmão, então achei que seria uma ótima deixa para falar a respeito aqui no blog! Então vamos lá!

got

Sinopse: Baseado na fantástica série best-seller As Crônicas de Gelo e Fogo, escrita por George R.R. Martin, este estupendo novo drama da HBO é ambientado em um mundo onde verões alcançam décadas e invernos podem durar uma vida inteira. Das maquinações vindas do sul e das selvagens terras orientais, do norte congelado à antiga Muralha que protege o reino da misteriosa escuridão, as poderosas famílias dos Sete Reinos travam uma épica batalha pelo Trono de Ferro. Esta é uma história de duplicidade e traição, nobreza e honra, conquista e triunfo. Em Game of Thrones, você pode tanto vencer como morrer.

Game of Thrones é uma série que tem todos os elementos que eu gosto: fantasia, ambientação em um mundo medieval, lutas com espadas, seres místicos etc. Mesmo assim, eu lembro que o primeiro episódio me causou uma impressão bem negativa, já que a apelação sexual é muito presente em diversas cenas. Porém, decidi continuar assistindo e bom… o resultado foi um vício instantâneo e irreversível! 😛

A primeira temporada (principalmente o primeiro episódio) nos apresenta diversos personagens e nos insere no contexto atual de Westeros, o continente principal da trama. Governado pelo Rei Robert Baratheon, que conquistou o trono após lutar contra o antigo Rei Louco, Aerys Targaryen, Westeros é dividido em reinos menores que são subordinados à Capital (Porto Real). A trama começa com a morte da Mão do Rei – um cargo de confiança de aconselhamento –, o que faz Robert Baratheon cavalgar até a longínqua Winterfell para encontrar seu antigo amigo e companheiro de batalhas, Ned Stark, o líder do Norte. Ned é um personagem de muita honra e senso de dever e, ao ser convidado por Robert para auxiliá-lo como a nova Mão do Rei, acaba cedendo e partindo com ele para Porto Real. E é a partir dessa decisão que a maioria dos conflitos da trama vão acontecer.

2

Robert não teme apenas seus inimigos em Westeros. Ele tem inimigos também em outro continente, além do Mar Estreito: os jovens sobreviventes Targaryen, Viserys e Daenerys, destinados ao Trono de Ferro por direito de sangue. Viserys está obcecado por vingança e bola um plano para voltar a Westeros munido de um grande e poderoso exército. Para isso, ele faz uma aliança com uma tribo selvagem, os dothraki, casando sua irmã mais nova com o líder deles, Khal Drogo. Os dothraki são nômades violentos, agressivos e sem nenhuma tendência ao diálogo. Daenerys começa a série como uma personagem passiva e subjugada ao irmão, então o casamento com um homem bruto como Khal Drogo lhe traz muita infelicidade em um primeiro momento. Posteriormente, ela decide satisfazer o marido e pede auxílio a uma escrava comprada por Viserys para que lhe ensine as artes da sedução. Com isso, Daenerys finalmente cria um vínculo com Drogo e os dois se tornam um casal muito unido e apaixonado, fazendo qualquer coisa para proteger e cuidar um do outro. A Daenerys é uma das minhas personagens favoritas nessa primeira temporada, porque o crescimento dela é fantástico e visível: de uma menina sem voz e sem vontade ela assume o posto de Khaleesi e torna-se uma mulher forte e destemida, fazendo o que é necessário e assumindo um papel de maior liderança.

3

Se eu me detiver a cada personagem interessante, provavelmente ficaria aqui falando por muitos e muitos parágrafos. Game of Thrones é repleto de famílias peculiares e de personagens distintos entre si. O que eu mais gosto na série é justamente isso: as pessoas são verossímeis. Os personagens são dúbios, têm qualidades e defeitos, cometem ações duvidosas, amam, odeiam, ferem, são feridos… Em Game of Thrones, ninguém é exatamente o que parece. Claro, como na vida real, existem pessoas com tendências mais bondosas e honestas e outras com falhas graves de caráter, e isso é o que torna a série tão envolvente: você nunca sabe o destino de ninguém. Os personagens fazem maquinações e planos que acabam com tudo aquilo que o espectador acreditava que poderia acontecer. Mesmo um “protagonista” pode ter um destino desagradável, ou um “vilão” pode facilmente obter sucesso na sua empreitada. A astúcia é fundamental ao jogar esse jogo perigoso, porque quem perde tem um destino definitivo: a morte.

A série também é fantástica no que diz respeito ao figurino e ao cenário. É tudo muito detalhado e as roupas revelam muito sobre o ambiente do qual o personagem é oriundo e também de sua personalidade. Os Lannisters (casa da Rainha Cersei, esposa de Robert), por exemplo, usam muito cores douradas e luxuosas, combinando com o leão dourado que simboliza sua casa. Os Starks, por sua vez, vestem roupas mais sóbrias e pesadas, em geral com pelegos nos ombros, para se protegerem do frio que assola o ambiente em que vivem. Os cenários são fabulosos e muita coisa é tão bem feita que nem parece ter sido filmada em tela verde (eu adoro assistir aos especiais do DVD ♥). É tudo muito condizente com a proposta da série.

4

Game of Thrones é uma escolha obrigatória pra todo mundo que gosta de assistir a séries. Mesmo pra quem não é fã da temática medieval, eu recomendo GoT sem pensar duas vezes, porque o enredo vai muito além disso. É uma série sobre relações humanas, sobre jogos de poder, sobre ambição. É impossível não ficar chocado quando um personagem querido morre, ou quando é feita uma revelação bombástica sobre um plano obscuro de um personagem que você nem imaginava que estava por trás de tudo. É preciso muito cuidado ao jogar o jogo do trono, porque provavelmente você vai se viciar nele. 🙂

Título original: Game of Thrones
Ano de lançamento: 2011
Criadores: David Benioff e D. B. Weiss
Elenco: Sean Bean, Mark Addy, Nikolaj Coster-Waldau, Lena Headey, Peter Dinklage, Emilia Clarke

Anúncios

26 comentários sobre “Dica de Série: Game of Thrones

  1. Oi Pri,
    Apesar do sucesso quase unânime por aí, não tenho vontade de assitir GoT.
    Conheço a história e quando saiu, até pensei em dar uma chance. Mas, acabei deixando de lado e todos meus amigos que conhecem meu gosto já me avisaram pra não assistir porque não faz meu tipo hahahaha.
    Mesmo assim, qualquer dia desses, vou dar uma olhada em alguns epi para ver se me surpreendo!
    Beijos,
    Ká Andrade
    http://teens-books.blogspot.com.br/

  2. Caramba, Pri! Todo mundo que conheço fala super bem de GoT. Eu adoro qualquer coisa que retrate tempos de outrora. Adoraria assistir GoT, o que eu talvez não adoraria tanto assim é a parte fantástica da coisa, porque não sou muito chegada nesse gênero. No entanto, é como você diz: a série vai bem além disso, trata sobre relações humanas, e isso sempre me interessa, mesmo que tenha fantasia no meio.
    Vou pensar com carinho e ver se dá pra encaixar a série na lista das muitas que já assisto.
    Um abraço!

    Sacudindo Palavras

  3. Todo mundo fala muito bem da série..
    Já tentei assistir, mas acabei desistindo porque não conseguia carregar o episódio todo, rs.
    Todos os itens que você adora no seriado, também são os que eu adoro *-*
    Fantasia, num geral, sempre me agrada.
    Você já conseguiu viciar o seu irmão? rs! Vou tentar assistir assim que tiver um tempinho, aí te digo se me viciei ou não 😉

    Beijo grande.

    Thati;
    http://nemteconto.org

  4. Priih, vou te confessar que eu nem tento entender essa série, HAUSHA, são tantos personagens que eu fico confusa :O Todo mundo fala muito bem e é totalmente viciado nessa nela, me parece excepcional.

    Beijão

  5. Hey!

    Nossa, como amo essa série. Mesmo diferindo do livro em alguns aspectos, ela é sensacional e está entre as minhas favoritas. Eu revi as duas primeiras temporadas nessas férias também, porque convenci meu irmão a ver e aí aproveitei pra me juntar a ele. Ele terminou a quarta essa semana, fico recebendo mensagens surtadas toda hora e preciso me segurar pra não soltar spoilers! Haha

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

  6. Oi Prih, tudo bem?
    Sou uma das poucas criaturas desse mundo que ainda não assistiu ou leu GOT. Mas eu não assisto porque quero ler antes, mas sempre protelo o inicio da leitura dos livros, pois são aquele lipo de leitura que exige atenção. Mas espero conseguir fazer ambas as coisas em breve, e se demorar de mais, acho que vou direto pra série.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

  7. Vamos falar de coisa boa, vamos falar de GOT.
    rsrsrsrs.

    Oi Prih
    Demorei um pouco a me render a série. Meu namorado assiste desde o lançamento e tentou me viciar, mas os episódios são longos e não dão para assistir na sala da minha casa, rsrsrsrs.
    Depois de pegar alguns spoilers resolvi encontrar um espacinho no meu horário de almoço e assistir no celular mesmo. Viciei, obviamente.
    Assisti episódio atrás de episódio e tive que me controlar para não tomar meu horário de serviço.
    Depois que terminei a primeira temporada dei uma pausa, mas já voltei com tudo.

    Beijos

  8. Oi Pri,
    Ah, eu tentei mesmo gostar dessa série. Mas ela é muito chocante pra mim. kkkk
    De verdade, sempre que o Joffrey matava alguém (ou melhor, mandava matar) eu ficava dias pensando no tipo de morte que eles tiveram. Ai, eram coisas horríveis, torturas e a troco de nada. Eu não me importaria se fosse tudo apenas ficção, mas sabemos que essas coisas aconteceram na antiguidade e MUITO. Então, sei lá .. não é série pra quem tem estômago fraco como eu. kkkkk Meu noivo é viciado, então sei tudo o que se passa… rs Mas assistir, não rola.

    Beijos,
    Mari Siqueira
    Love Lovers Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s