Parceria e entrevista: Raymundo Monteiro!

Oi, gente!

Estou muito feliz escrevendo o post de hoje, pois tenho uma novidade super bacana pra contar pra vocês! Essa semana o escritor Raymundo Monteiro, autor de O Místico Sagrado, entrou em contato comigo e nós fechamos uma parceria! Adoro romances policiais e estou super ansiosa pra ler a obra do autor, que é o primeiro volume de uma série. Para que vocês conheçam um pouquinho mais sobre Raymundo Monteiro e sua obra, fiz uma breve entrevista com ele. Espero que gostem!

Sinopse: O Bem e o Mal estão em todo lugar. Nós somos Yin-yang, bom e mau. E isso nos acompanha por onde andamos. A vida é feita de dualidade, bonito e feio, rico e pobre, luz e sombra, vida e morte. Temos o livre-arbítrio de deixar fluir aquilo que nos for mais sedutor, mais conveniente, mais atrativo… Melanie tem a missão de salvar sua vida do modo que ela apesar de saber muito bem como se faz, deixa a desejar. Para isso, terá que infiltrar-se na Casa Branca Hospedagem, um lar requintado que esconde tenebrosos segredos e nada é aquilo que parece ser. A dualidade em pessoa mora ali e a nova hóspede terá que aprender a se defender se quiser sair viva.

raymundo

1. Como e quando você decidiu ser escritor?

Desde criança, aos sete, oito anos, já fazia teatrinho em casa. Sozinho mesmo feito um maluco. A vizinhança, como nasci no interior, até hoje pensa que sou maluco (risos). Na adolescência comecei a por melhor as ideias no papel e a entregar os originais às editoras, comecei a mostrar meus escritos para as professoras da escola e aos colegas, pedindo a opinião deles. Mas, foi lendo as estórias da série Vaga-lume comecei a me interessar mais pela literatura e a partir daí, a melhorar meus textos.

2. Quais autores foram as suas maiores inspirações no mundo literário?

O inesquecível autor Marcos Rey; Ganymédes José ; José de Alencar e Mary Shelley, autora do livro Frankenstein, e o Sidney Sheldon. Gosto muito de histórias policiais e dramas. Além de gostar muito de comédias.

3. Quais as dificuldades que você encontrou durante o desenvolvimento de O Místico Sagrado?

Ah!… Levou muito tempo! A princípio me inspirei num romance do Ganymédes José, um livro que tem como ponto de fundo a parapsicologia. Escrevi, reescrevi, fiz várias versões, depois, coloquei alguns conhecimentos esotéricos no enredo, então, chegou no ponto que está. Lembrando que esse é o primeiro livro de uma série. No momento, estou experimentando a opinião do público.

4. Você teria alguma dica para quem também deseja publicar seu próprio livro?

Sim. Paciência, dedicação e pesquisa sobre aquilo que está escrevendo e principalmente sobre o Mercado Literário. Isso é muito importante. Hoje têm blogs e vlogs com dicas para se pesquisar melhor e evitar certas “mancadas” que como eu, muito iniciante comete.

5. Fique à vontade para deixar um recado aos leitores do Infinitas Vidas!

Como falei antes: dedicação, conhecimento e paciência. Jamais desistir e procurar sempre se melhorar. Seja você mesmo e procure conquistar seus fãs mostrando o seu talento, no seu próprio estilo. Muito obrigado pelo carinho!

Eu que agradeço pelo tempo dedicado a essa entrevista, Raymundo! Que nossa parceria seja de muito sucesso! 😀

E espero que vocês tenham gostado da novidade, meus queridos! Beijo enorme! ❤