Autoras que vale a pena conhecer

Oi galera, tudo bem?

Amanhã é 08 de março, Dia Internacional da Mulher. Enquanto essa data representa a nossa luta por igualdade, vejo também como uma oportunidade para divulgar e enaltecer mulheres incríveis que merecem espaço e reconhecimento. Por isso, esse ano resolvi reunir autoras que eu acho que vale a pena conhecer. Vem comigo!

Tomi Adeyemi

Autora da trilogia O Legado de Orïsha, que iniciou com o aclamado Filhos de Sangue e Osso, Tomi Adeyemi trouxe a cultura iorubá para o universo da fantasia. Explorando os ritos e figuras sagradas das religiões africanas, Tomi Adeyemi fala sobre opressão, mas também traz uma representatividade poderosa a pessoas negras. Se você é fã de livros de fantasia mas ainda não entrou em contato com sua, recomendo que faça isso o mais breve possível.

Beth O’Leary

Também conhecida como minha nova autora queridinha. A leitura de Teto Para Dois foi a minha favorita do ano passado, e muito disso se deve ao fato de que Beth O’Leary conseguiu tratar de relacionamento abusivo de uma maneira realista e certeira, mas sem sacrificar a leveza da história. Minha segunda experiência com seus livros, A Troca (em breve sai a resenha!) também foi ótima, e eu adorei o fato do livro ser protagonizado por uma avó e uma neta. Recomendo ambos os títulos sem pensar duas vezes!

Taylor Jenkins Reid

O nome dessa autora já estava no meu radar há um tempo, e seus livros têm sido bastante comentados na blogosfera. Realizei minha primeira leitura recentemente (com Depois do Sim) e foi excelente, me causando múltiplas emoções – de um jeito bom. Me baseando nessa única experiência, eu diria que Taylor Jenkins Reid é excelente em prender a atenção do leitor ao mesmo tempo em que aborda situações difíceis e emocionantes. Estou louca pra ler mais de seus livros!

Aline Bei

Uma indicação nacional vai bem, né? Aline Bei me impactou profundamente com O Peso do Pássaro Morto. Algumas das experiências mais dolorosas no “ser mulher” estão presentes no seu livro, como o machismo que tolhe e objetifica a mulher (como se ela fosse uma propriedade), a vergonha e o medo de uma vítima de violência sexual e o desamparo causado por um maternar indesejado. Não é uma leitura fácil, mas é transformadora.

Gostaram da lista, pessoal? Já leram alguma das autoras citadas?
Quero saber quem vocês incluiriam nessa seleção. Me contem nos comentários! ❤

19 comentários sobre “Autoras que vale a pena conhecer

  1. Oi Priih! Eu amei esse tipo de post! Estou de olho em Filhos de sangue e osso há bastante tempo, mas até hoje não consegui ler. Espero conseguir ainda esse ano. S2
    Teto para dois eu fiquei curiosa depois de uma resenha sua, e achei a história genial, quero muito ler também. =)
    Feliz dia das mulheres para você e vamos continuar na luta por um mundo que conheça mais mulheres na literatura, com protagonistas fortes em seus livros, para inspirar mais mulheres no mundo real.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

  2. Oi Priih! A Beth e a Taylor foram minhas grandes descobertas do ano passado. Eu me apaixonei pelas obras de ambas e recomendo para todo mundo. São histórias bem realistas e que conversam com o leitor.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

  3. Oi Pri, tudo bem?

    Das autoras que você indicou só não li nada da Tomi. Da Beth e da Taylor li só um livro e adorei os dois! Estou doida para ler mais livros delas. ❤ Me surpreendi bastante com a escrita da Aline. O peso do pássaro morto foi um livro que me deixou de coração partido.

    Beijos;***
    Ariane Gisele Reis | Blog My Dear Library.

  4. Oi, Pri. Como vai? Ótimas indicações hein! Gostei. Não li nenhum livro da lista, mas certamente são leituras para lá de maravilhosas, não é mesmo! Eu incluiria nesta lista a CoHo, mas duvido que algum leitor não tenha sequer lido um livro de sua autoria. Conhece Conceição Evaristo? Se não aconselho-te a ler algum livro desta autora nacional maravilhosa. Aproveitando o ensejo aproveite bem o seu dia com o Dia Internacional da Mulher. Que vocês mulheres continuem na luta por direitos iguais nesta sociedade machista. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

  5. Oi, Priih. Tudo bem?
    Eu conheço duas autoras da sua lista, a Taylor e a Tomi e realmente os livros delas são sensacionais e tem tantas autoras por aí, não é mesmo? Amei a indicação das outras e irei procurar mais sobre elas.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

  6. Olá, Priih.
    Das autoras citadas só não conheço a ultima. A Taylor foi uma das revelações do ano passado. E a Tomi eu amei o primeiro livro e até preciso comprar o segundo para ler hehe.

    Prefácio

  7. Amei a lista, conhecia todas, menos a Tomi (mas já tinha visto o livro dela).
    A Taylor foi uma autora que conheci ano passado e já amo todos os livros dela. O peso do pássaro morto foi um livro que mexeu muito comigo e eu sempre indico para todo mundo.
    beijos

  8. Oi Priih,
    Tenho vontade de conhecer a escrita da Tomi Adeyemi por que acho legal essa representatividade que ela trás por meio de seus livros, mas não gosto de histórias que envolvem ocultismo e sobrenatural, então acabo sempre protelando em ler seus livros, já que eles contém religião.
    Ano passado li Teto Para Dois e gostei do talento da Beth em conseguir escrever de forma leve, mas trazendo assuntos densos pra reflexão. Já a Taylor está na minha wish. Tenho Amores Verdadeiros no Kindle e ainda não tomei vergonha na cara e comecei a lê-lo, haha. Da sua lista, eu só ainda não conhecia a Aline Bei.
    Partindo das autoras que escrevem sobre assuntos importantes sem dramaticidade, indico a Katie Cotugno, li 99 Dias da autora, e tem resenha do livro lá no blog.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

  9. Oi Priih, sua linda, tudo bem?
    Eu ainda não tive a chance de ler nenhum deles, mas estou muito animada para Filhos de sangue e osso, pois ele foi resenhado lá no blog pela Bel e ela amou. Teto para Dois foi resenhado pela Duda, e apesar do início ela gostou muito e a editora está apostando nessa autora e já trouxe outros livros dela. Adorei a sua ideia de para homenagear as mulheres dando dicas de leituras escritas por mulheres.

    beijinhos.
    cila.
    https://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

  10. Olá,
    Eu vi umas listas de homenagem dessa e ia até tentar fazer, mas acabei esquecendo. hahaha
    Mencionando isso pq a Taylor 100% estaria na minha também, nunca me vi ficar impressionada com uma autora tão de cara depois de ler Daisy Jones. Preciso ler os outros dela que estão no meu Kindle.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

  11. Olá, Priih

    Das autoras citadas, li apenas a Taylor e a Beth. Tenho Depois do Sim aqui, mas da Taylor li Amor(es) Verdadeiro(s), que amei, e Daisy Jones and The Six, que não curti tanto. Ao contrário de você, não achei bacana a abordagem do relacionamento abusivo em Teto Para Dois, achei superficial e até mesmo banal, meio feito nas coxas… não gostei. Até estou com A Troca aqui pq veio no Intrínsecos e estou enrolando pra ler pq estou com os dois pés atrás. hahahaah’
    E uma cuja escrita eu quero conhecer é a Tomi. Assisti a uma live dela na Bienal e adorei a vibe dela, muito maravilhosa!

    Beijos
    – Tami
    https://www.meuepilogo.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s