Dica de Série: Eu Nunca…

Oi pessoal, tudo bem?

Nas minhas últimas férias aproveitei para conferir alguns títulos que amigos vinham me indicando na Netflix, e um deles é Eu Nunca… (sim, com reticências rs).

Sinopse: Ela teve um ano complicado. Agora, tudo que essa jovem quer é melhorar seu status social. Será que os amigos, a família e seus sentimentos vão ajudar?

A série acompanha a rotina de Devi, uma adolescente de ascendência indiana que passou por maus bocados no último ano: ela perdeu o pai, seu melhor amigo, subitamente e, devido ao trauma, ficou com as pernas paralisadas por meses. Agora que ela voltou a andar, seu maior objetivo é perder a virgindade e se tornar popular na sua escola, de modo a afastar o estigma de “garota estranha e paralisada”.

eu nunca

Eu Nunca… é uma série bastante engraçada, com episódios de aproximadamente 30 minutos cada. Devi tem duas melhores amigas, a inteligente Fabiola e a criativa Eleanor, que fazem de tudo por ela. O problema é que Devi está obcecada pelo seu crush, Paxton, e ao longo da trama eles vão se aproximando de forma inesperada. Um outro elemento importante nessa equação é o rival de Devi, Ben: os dois competem pelas melhores notas desde crianças, mas aos poucos eles percebem que têm mais em comum do que imaginam.

eu nunca

Uma das principais características de Eu Nunca… é o fato de que Devi é uma personagem imperfeita. Ela age por impulso, magoa as pessoas e pisa na bola muitas vezes com suas amigas. Mas antes de julgá-la, vamos relembrar como é ter 15 anos? Não sei vocês, mas eu cometia vários erros de julgamento na época e também trocava os pés pelas mãos em muitas situações. Isso não quer dizer que Devi não seja irritante, porque ela é (e eu acho que a atuação linear de Maitreyi Ramakrishnan não ajuda em nada nesse quesito). Sua obsessão por Paxton a torna negligente com sua família e amigos e se revela como uma das válvulas de escape da garota para não lidar com o luto pela perda do pai. O interessante, porém, é vê-la amadurecer: conforme Devi é obrigada a lidar com as consequências dos seus atos, ela passa a crescer como pessoa e, no fim das contas, a adolescência é também sobre isso.

eu nunca 3

Outro acerto de Eu Nunca… reside na representatividade. O trio de melhores amigas (Devi, Fabiola e Eleanor) é composto por uma menina indiana, uma negra e uma asiática. Há também uma naturalidade muito grande para lidar com o processo de descoberta de determinada personagem LGBTQI+. Os aspectos culturais da família de Devi também são abordados ao longo da temporada, sendo protagonizados pela própria Devi, sua mãe e sua prima (que mora com elas). O bacana é que a série fala sobre a cultura indiana sem recorrer a estereótipos e, principalmente, sem ser ofensiva – ainda que levante um debate tímido sobre determinadas práticas.

eu nunca 2

Eu Nunca… é uma série muito gostosinha e divertida, daquelas que você dá o play e nem vê o tempo passar. Pra quem busca uma comédia adolescente bacana e respeitosa com diferentes culturas e pessoas, é uma ótima pedida! E o melhor: com poucos episódios curtinhos e uma segunda temporada já confirmada. 😉

Título original: Never Have I Ever
Ano de lançamento: 2020
Criador: Mindy Kaling, Lang Fisher
Elenco: Maitreyi Ramakrishnan, Darren Barnet, Jaren Lewison, Lee Rodriguez, Ramona Young, Poorna Jagannathan, Richa Moorjani, Sendhil Ramamurthy

26 comentários sobre “Dica de Série: Eu Nunca…

  1. Oi, Priiih. Tudo bem?
    Eu assisti essa série e também amei, tanto a Devi quanto as amigas, a família e o Ben também. O núcleo de personagens dessa série é sensacional.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

  2. Olá, Priih.
    Eu demorei para assistir essa série porque estava todo mundo falando tão bem que fiquei com medo de me decepcionar. Mas gostei bastante. A Devi irrita mesmo com essa obsessão pelo Paxton, tanto que deixa tudo dar errado a sua volta só para correr atrás dele, mas ainda assim eu gosto dela hehe.

    Prefácio

  3. Oi, Priih!
    Já ouvi falar na série mas nunca tive muita vontade de assistir haha. Acho que não tenho mais paciência pra dramas adolescentes 😛
    Que bom que temas importantes também são abordados!

  4. Eu comecei a assistir essa série por que adoro a cultura Indiana, e no fim me peguei chorando no último episódio e torcendo pela Devi e o Ben, shippo mexxmo! Haha.
    Eu Nunca… é uma série fora do clichê, sempre vemos filmes e séries com garotos nerds querendo perder a virgindade, e de repente temos uma garota totalmente fora do padrão em busca da mesma coisa dando início à série. E como vc disse, a protagonista é verossímil, é fácil se identificar com ela e suas imperfeições.
    Que venha a segunda temporada \O/
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

  5. Oi Pri.
    Eu amei essa série e mal posso esperar pela segunda temporada (se a Netflix não cancelar, porque ela é dessas).
    A prima da Devi é minha personagem favorita e embora seja um tanto clichê, gosto da maneira com os arcos sejam desenvolvidos. Torcendo muito para ela ficar com o nerd e querendo muito saber mais da amiga lésbica, porque tem sido um tipo de desenvolvimento que vem me atraindo.
    Beijos.
    Fantástica Ficção

  6. Oi Pri, tudo bem?

    Comecei a assistir essa série sem nenhum expectativa e gostei bastante. Realmente a Devi dá umas pisadas na bola e em muitos episódios ela consegue ser bem egoísta, mas é gratificante acompanhar o amadurecimento dela também.

    Estou bem curiosa pela segunda temporada. Espero que meu ship permaneça firme e forte (rs…).

    Beijos;*
    Ariane Reis | Blog My Dear Library.

  7. Oi, Priih

    Eu amei essa série! Realmente é uma produção com bastante diversidade e representatividade. A Devi é irritante mesmo, mas eu adorei ela. hahaha E não achei a atuação da Maitreyi linear não, a mim agradou bastante e vi muitas nuances. Agora é esperar a segunda!

    Beijos
    – Tami
    https://www.meuepilogo.com

  8. Oii, como vai?
    Eu to doida para assistir a essa série desde o lançamento mas como tenho pouco costume e paciência para acompanhar séries eu acabei por não assistir até agora, acredita?
    A premissa parece muito boa, do tipo que faz rir e chorar.

    Abraço ♥
    Larissa – Parágrafo Cult

  9. oie Prih!!

    Eu não assisti, mas gostei de saber que é curtinha, respeitosa e tem vários elementos! Nao sabia da premissa e fiquei com vontade de asisstir – confesso, desculpa kkk – depois que vc falou que os episodios sao curtos. Adoro, pq eu consigo assistir varios num dia! hahahah
    Dica anotada!

    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s