Nem todos os dias serão bons. E tá tudo bem.

Eu acho que Divertida Mente é um dos filmes mais brilhantes que a Disney Pixar já fez. Além da inovação ao imaginar como seriam os nossos sentimentos, o filme traz uma lição que com frequência a gente precisa lembrar: nós precisamos da tristeza para compreender e apreciar o que é a alegria. O que me leva à conclusão mais clichê e verdadeira possível: existem dias bons e existem dias ruins. E faz parte.

Nesse cenário angustiante e inédito que a gente tem enfrentado, por que seria diferente? Eu admiro o seu (e o meu) esforço para ficar bem. As tentativas de se manter sorrindo e seguindo em frente. Precisamos mesmo disso. Mas nem sempre dá, e acolher esses momentos mais sombrios é igualmente necessário.

Quando o peito subitamente aperta e a gente não entende bem o porquê (ainda que existam mil motivos pra isso), o consolo vem na forma de pequenas coisas. Um banho quente e demorado. Uma xícara de café com leite (my comfort beverage). Um edredom quentinho. A companhia de um livro. A permissão pra ficar em silêncio.

Ou um raio de sol, que entra pela janela e te relembra que nem todos os dias vão ser assim, tão (metaforicamente) cinzas.

nem todos os dias serão bons

17 comentários sobre “Nem todos os dias serão bons. E tá tudo bem.

  1. A nossa vida é mesmo uma roda gigante, acredito que temos que aprender a lidar com cada situação e tirar o melhor disso, mesmo que as vezes o melhor que podemos tirar é aceitar a condição e começar de novo. Amei o textinho ❤
    Beijoss, Primavera Agridoce ♥️♥️♥️

  2. Oi Priih! Que texto verdadeiro, achei bem pertinente. De fato, só apreciamos alegria quando conhecemos tristeza. Tem sido um momento complicado demais e temos que buscar formas de nos confortar. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

  3. Oiii Prih

    A tristeza realmente é necessária pra gente valorizar e aprender a identificar a alegria e os momentos bons, pra desfrutar deles com mais ênfase certamente. O texto vem perfeito para esse tempo estranho e assustador que estamos vivendo, ontem mesmo me bateu uma angústia sabe, por tudo isso, ai sai la fora no quintal e batia um vento bem forte, daqueles gostoso de inverno, e só isso me fez sentir mais viva, mais grata por estar ali. São essas pequenas coisas que ás vezes nos surpreendem e nos ajudam a se sentir melhor com certeza. Acho importante se compartilhar textos como o teu, ás vezes a gente sente apreensão, medo e não quer falar, porque pensa que é só a gente, mas não, o sentimento é comum pra muita gente e é inspirador poder ler algo e se identificar com o que é dito.

    Beijos, Ivy

    http://www.derepentenoultimolivro.com

  4. Oi, Priih!
    Divertida Mente é um dos meus filmes favoritos! Todas as vezes em que eu estou triste ou precisando de motivação, é só dar o play nele que essa sensação passa ❤
    Eu sou do tipo de pessoa que se cobra demais, e dia a dia tenho tentado mudar isso. Tudo bem se hoje não estou afim de fazer nada ou se não fui 100% produtiva.
    Temos que viver um dia pelo outro e nem sempre estaremos bem, mas tudo passa!
    Amei a sua reflexão 😀

    Estante Bibliográfica

  5. Eu amo esse filme e as mensagens dele. 🙂 Todos os sentimentos nos trazem uma lição importante. Li recentemente “O lado bom do lado ruim” e acho mega útil para os dias de hoje! E uma vez li uma frase do Paulo Coelho, que fala que os dias ruins servem para a gente dar valor aos dias bons! 🙂 Enfim, amei a sua reflexão. ♥

    Beijos, Carol
    http://www.pequenajornalista.com

  6. Oi Priih,
    A alguns dias atrás me senti exatamente como você descreveu e tentei fazer coisas que me animassem, ler um livro ou passar um tempo com a minha família. Agora tento me agarrar as coisas que me fazem bem, e apreciar os pequenos momentos.
    Bjsss

  7. Oi Priih, Divertidamente passa muitas mensagens mesmo. Precisamos dos dois lados para apreciar o outro. Precisamos da tristeza para valorizar a alegria. Precisamos dos dias de trabalho para valorizar os dias de folga. E isso faz parte. É normal. Precisamos nos deixar sentir a tristeza sim, mas precisamos também buscar o conforto e a alegria. Realmente esses dias não têm sido fáceis. E tem me feito valorizar mais ainda as pequenas coisas.
    beijos
    Chris

    Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook / Pinterest

  8. Eu amo Divertidamente e concordo, é um dos filmes mais brilhantes e é o que mais nos traduz nesse momento. Agora, durante a pandemia, estou vendo que realmente está tudo bem ter dias ruins, pois vida perfeita não existe e se cobrar por isso só vai fazer o dia ser ainda pior. Pequenas coisas fazem toda a diferença, sempre fizeram, mas a gente que não “tinha tempo” de ver. Agora que temos, podemos nos agarrar a elas para passar esse tempo com esperança de sairmos diferentes dessa quarentena.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

  9. Que texto gostoso de ler nesse momento em que é crucial assumirmos que está tudo bem não ficarmos bem o tempo todo! Sem falsear sorrisos ou imagens nas nossas redes sociais, apenas sermos mais sinceros conosco e isso é fundamental para que as pessoas também sintam a mesma liberdade. ❤

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s