Resenha: Biblioteca Sobre Rodas – David Whitehouse

Oi pessoal, tudo bem?

Devido à sinopse fofa e a proposta de cenário peculiar (uma biblioteca itinerante), fiquei bem curiosa a respeito de Biblioteca Sobre Rodas. Hoje conto pra vocês o que achei dessa leitura. 😉

biblioteca sobre rodasGaranta o seu!

Sinopse: Bobby Nusku tem um amigo: Sunny Clay. E depois Bobby Nusku tem dois amigos: Sunny Clay e Rosa Reed. E depois Bobby Nusku tem três amigos: Sunny Clay, Rosa Reed e Val Reed. E depois Bobby Nusku tem quatro amigos: Sunny Clay, Rosa Reed, Val Reed e Joe Joe. E depois Bobby Nusku tem quatro amigos e um cachorro: Sunny Clay, Rosa Reed, Val Reed, Joe Joe e Bert. E finalmente Bobby Nusku tem uma família. Em Biblioteca sobre rodas conheceremos a história dessa família às avessas, onde os laços de sangue são o que menos importa na trajetória deles. O que importa de verdade quando todos eles entram naquele caminhão lotado de livros e clássicos valiosos é a confiança que tem uns nos outros e a forma genuína como se amam, cada um com suas características, cada um com seu passado torto, cada um com suas diferenças que os tornam únicos.

Bobby Nusku é um garoto solitário, que vive apenas com seu pai (que frequentemente o agride) e sua madrasta desde que sua mãe partira. Como companhia ele tem um único amigo, Sunny Clay, e também seu hábito de guardar pequenos “fragmentos” da casa e das coisas da mãe para quando ela voltar. Porém, quando a mãe de Sunny decide se mudar, Bobby se vê na posição de ter que enfrentar a solidão e o bullying sozinho. Até que ele conhece Rosa Reed, uma menina doce e muito especial que traz Bobby para dentro de sua família (composta pela própria Rosa, pela sua mãe, Val, e pelo seu cachorro preguiçoso, Bert). Quando Val se depara com sua demissão iminente da biblioteca itinerante na qual trabalha, somando-se ao fato de que Bobby apresenta hematomas causados pelo pai, a personagem decide tomar uma decisão impactante: colocar todos na biblioteca e partir.

Biblioteca Sobre Rodas é uma história sobre formas de ser família. O livro questiona de maneira sensível esse conceito: a família não precisa ser tradicional, mas sim feita de pessoas que se amam e se apoiam. Convivendo uns com os outros, Bobby, Val, Rosa e Bert aprendem a respeitar suas particularidades, apreciando cada instante que vivem juntos e aceitando verdadeiramente uns aos outros. Quando um quarto elemento, Joe, se une ao time, a dinâmica entre eles sofre alguns ruídos mas, mesmo nesse novo contexto, os personagens aprendem a conviver em harmonia.

resenha biblioteca sobre rodas

Outra característica bem interessante da narrativa diz respeito às próprias histórias. Por estarem em meio aos livros (afinal, a biblioteca itinerante por si só é uma espécie de personagem, além de cenário), a nova família de Bobby passa muito tempo lendo e divagando sobre as tramas, e Bobby se questiona se aquelas histórias fantásticas poderiam acontecer com alguém tão normal quanto ele. O menino, porém, não se dá conta que sua própria vida é uma aventura, com direito a perseguição policial, revelações impactantes e até mesmo um plot twist no final. 😛 Entretanto, é importante ressaltar que, apesar de ser um livro doce e gentil, Biblioteca Sobre Rodas carece de ganchos que deixem o leitor ávido por continuar. Mesmo sendo curtinho, eu levei um tempo pra ler devido a essa característica.

Acho que o ensinamento mais valioso de Biblioteca Sobre Rodas reside no fato de que não importa muito o destino ou os desafios no caminho, mas sim quem você tem ao seu lado pra se agarrar e se amparar. E essa lição já é suficiente pra deixar um quentinho no coração ao fechar das páginas – lembrando que, segundo a Val, as histórias nunca têm fim; elas continuam mesmo quando as páginas terminam. E eu gosto de pensar que a história de Bobby Nusku e sua família continua. 🙂

Título Original: Mobile Library
Autor: David Whitehouse
Editora: Rocco
Número de páginas: 288
Gostou do livro? Então adquira seu exemplar aqui e ajude o Infinitas Vidas! ❤

Livro cedido em parceria com a editora.
Esse não é um publipost, e a resenha reflete minha opinião sincera sobre a obra.

14 comentários sobre “Resenha: Biblioteca Sobre Rodas – David Whitehouse

  1. Olá, Priih.
    Eu já tinha lido a resenha da Monique sobre esse livro e me interessado por ele. A história parece ser tocante. E adorei sua colocação no final porque por vezes eu fico imaginando a vida dos personagens mesmo após o fim hehe.

    Prefácio

  2. Oi, Priih! Eu não conhecia esse livro. Nossa, fiquei com o coração apertadinho quando li que ele sofria agressão, mas fiquei feliz ao ver que ele encontrou pessoas para amá-lo. Realmente parece ser uma história bem fofa!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    Romantic Girl

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s