Review: Kimetsu no Yaiba

Oi gente, como estão?

Depois de My Hero Academia, meu namorado conseguiu de novo: me indicou um anime e eu acabei fisgada! Estou falando do ótimo Kimetsu no Yaiba (também conhecido como Demon Slayer).

kimetsu no yaiba poster.png

Sinopse: Desde os tempos antigos, abundam os rumores de demônios devoradores de homens à espreita na floresta. Por causa disso, os moradores locais nunca se aventuram do lado de fora durante a noite. Diz a lenda que um matador de demônios também perambula pela noite, caçando esses demônios sanguinários. Para o jovem Tanjiro, esses rumores logo se tornarão sua dura realidade… Desde a morte de seu pai, Tanjiro assumiu a responsabilidade de sustentar sua família. Embora suas vidas possam ser endurecidas pela tragédia, eles encontraram a felicidade. Mas esse calor efêmero é destruído um dia quando Tanjiro encontra sua família abatida e o único sobrevivente, sua irmã Nezuko, se transformou em um demônio. Para sua surpresa, no entanto, Nezuko ainda mostra sinais de emoção humana e pensamento… Assim começa a busca de Tanjiro para lutar contra os demônios e transformar sua irmã humana novamente.

A primeira coisa que me chamou a atenção nesse anime foi o traço, que é lindo. Sabe quando você fica olhando encantada pros personagens e cenários? Foi assim que me senti no primeiro episódio. A qualidade técnica é impecável, a trilha sonora envolve e as cenas de ação têm muita fluidez e realmente captam a nossa atenção. Mas e a história, é tão boa quanto os aspectos técnicos?

kimetsu no yaiba.png

Sim! Em Kimetsu no Yaiba, acompanhamos a jornada do jovem Tanjiro em busca de uma cura para sua irmã, Nezuko, que foi transformada em um demônio. A fatalidade aconteceu após toda a família dos dois ser morta pela mesma criatura, mas Nezuko acabou sobrevivendo e tornando-se uma delas. Porém, inexplicavelmente, a jovem ainda consegue ter lampejos de sua humanidade e manter seu desejo por carne humana sob controle, o que motivou Tanjiro a encontrar uma forma de reverter o que aconteceu. Para isso, ele faz um treinamento intenso para se tornar um Exterminador de Demônios – uma organização dedicada a liquidar todos aqueles que colocam vidas humanas em risco. Após dois anos de extenuante treinamento, Tanjiro conquista o título e parte com Nezuko para diversas missões, onde faz novas amizades e conquista companheiros.

kimetsu no yaiba (2).png

Tanjiro é a estrela de Kimetsu no Yaiba. Em alguns aspectos, ele me lembra o Midoriya, de My Hero Academia: é muito dedicado, responsável e esbanja empatia, preocupando-se sempre com o bem das pessoas ao seu redor. Ele é um líder nato, de coração gigante e muito senso de responsabilidade (o que já era nítido quando sua família ainda estava viva, já que ele era o mais velho dos irmãos). Seus companheiros também são carismáticos (eu adoro os surtos explosivos do Inosuke e os momentos badass do Zenitsu – que nem sabe ainda de sua total capacidade) e Nezuko é uma fofa, ainda que tenha se destacado muito pouco na maior parte dessa primeira temporada.

kimetsu no yaiba (3)

As batalhas são incríveis e muito boas de assistir. Uma das coisas de que mais gosto em Kimetsu no Yaiba é o fato de que Tanjiro não fica fodão da noite para o dia, usando do privilégio de protagonista. Ele treina MUITO e se esforça MUITO pra chegar aonde chegou e conseguir lutar contra os demônios que enfrenta, o que dá mais credibilidade à sua trajetória. Outro aspecto que torna essas batalhas mais interessantes é que diversos demônios que Tanjiro encontra pelo caminho têm motivos próprios para sofrer: eles também foram humanos um dia e muitos deles ainda carregam as dores de seu passado. Como crítica negativa, acho válido comentar que o vilão principal foi mal explorado, pelo menos na primeira temporada. Ele aparece somente uma vez e, apesar de demonstrar claramente sua capacidade de ser cruel, sua aparição até o momento não trouxe grande desenvolvimento para a história.

kimetsu no yaiba (4).png

Resumindo, Kimetsu no Yaiba é uma excelente opção de anime para quem já gosta do gênero, mas também pode ser sua porta de entrada para esse tipo de produção. Qualidade técnica, história envolvente (ainda que simples) e personagens carismáticos fazem de Kimetsu no Yaiba uma ótima aposta. Recomendo muito!

Título original: Kimetsu no Yaiba
Ano de lançamento: 2019
Direção: Haruo Sotozaki
Roteiro: Ufotable
Elenco: Natsuki Hanae, Akari Kitô, Yoshitsugu Matsuoka, Hiro Shimono, Takahiro Sakurai

Anúncios

28 comentários sobre “Review: Kimetsu no Yaiba

  1. Oi, Priih.
    A minha fase de animes acabou na adolescência.
    Eu gostava muito de desenhos, mas nunca mais assisti.
    Não sei se isso é bom ou ruim, mas não me interessei mais por desenhos.
    Provavelmente alguns deles, como os que são indicados aqui, são realmente muito bons,
    mas eu sinceramente não me sinto motivado a vê-los.
    Meu tempo está tão corrido que até filmes e séries que eu amo está complicado para assistir. 😦
    Bela resenha.
    Abraços.
    Diego || Visite Diego Morais Viana

  2. Oi Priih! Esse anime e The Promissed Neverland vem sendo os mais elogiados de 2019, mas ambos não me fisgaram. Ainda assim reconheço a qualidade da produção, é bem feita. Você está assistindo Fruits Basket, não está? Eu assisto e curto muito. Está gostando?Bjos!! Cida
    Moonlight Books

  3. Olá, Priih.
    Eu não sou muito de assistir animes, já fui hehe. Mas resolvi assistir Os Cavalheiros do Zodíaco e acho que depois vou dar uma chance a esse porque achei o enredo bem interessante. Fico receosa de assistir porque acho esses animes meio violentos hehe.

    Prefácio

  4. Oi, Priih!
    Confesso que não me interesso muito por animes. Porém, ultimamente tenho tentado assistir coisas diferentes e ainda não tinha passado pela minha cabeça começar por aqui. Sua resenha me deixou interessada e acho que vou procurar saber mais sobre o assunto. Aliás, se puder me indicar um anime para a iniciante aqui, eu agradeço haha
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

  5. Nossa, não paro para assistir animes tem muito tempo mas meu namorado é um viciado que tá sempre me indicando alguns que falo que vou assistir e…… nunca vejo rs
    O traço desse é lindo e a história parece bem bacana. Vou procurar o mangá, é mais rápido do que assistir pq não tenho mais tanta paciencia pra ver animes hahaha

    Abraço,
    Parágrafo Cult

  6. Olá
    Faz tempo que não me apago a um anime. Estou esperando pela 5ª temporada de Shokugueiko no Souma que parece que não chega nunca… Achei esse interessante.
    Recentemente, assisti com o maridinho Goblin Slayer. Eu achei que não iria gostar, por ter muita guerra e coisas assim, mas eu achei incrível.
    Tem um anime lindo de morrer, que tem na Netflix, que chama Violet Evergarden. Melhor anime ever.

    Vidas em Preto e Branco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s