Review: Como Ser Solteira

Oi gente, tudo bem?

Na vibe das comédias românticas despretensiosas, acabei assistindo a Como Ser Solteira, um filme do qual nunca tinha ouvido falar, mas que acabou me surpreendendo.

como ser solteira.png

Sinopse: Alice (Dakota Johnson) acabou de sair de um relacionamento e não sabe muito bem como agir sem outra metade. Para sua sorte, ela tem uma animada amiga (Rebel Wilson), especialista na vida noturna de Nova York, que passa a ensiná-la como ser solteira.

Alice é uma jovem acostumada a estar em relacionamentos. Estando em um namoro duradouro com Josh, ela resolve “dar um tempo” para se descobrir. Alice logo percebe que cometeu um erro e, ao tentar voltar com o rapaz, descobre que ele já seguiu em frente. A partir desse momento (e do sofrimento causado pelo término real oficial), a jovem começa a descobrir um novo jeito de viver, aproximando-se de sua nova amiga de trabalho (a solteira inveterada, Robin) e experimentando novas possibilidades. Além da jornada de Alice, o filme também traz de maneira um pouco menos aprofundada os dramas amorosos de Meg (irmã de Alice, que sempre prioriza a carreira e evita relacionamentos) e Lucy (a romântica que não perde a esperança de encontrar o cara ideal).

como ser solteira 2.png

Com os diversos núcleos de personagens, o filme me lembrou outras comédias românticas semelhantes, como Ele Não Está Tão Afim de Você. Ao longo da 1h50 de duração, Como Ser Solteira vai nos conduzindo pelas delícias e dificuldades de não ter um relacionamento, enquanto explora o jeito de cada personagem lidar com a situação. Existem os clichês, obviamente, como o barman gostosão que não abre mão da solteirice, mas se apaixona pela pessoa mais improvável. Mas quem disse que eu ligo pra clichês em comédias românticas? Gosto e assumo. 😂 Contudo, mesmo com os clichês, o filme também traz algumas quebras de expectativas. Quando pensamos que determinado personagem vai ter um desfecho X, a condução da narrativa o leva para o caminho Y. Isso é bem legal, porque tira a obviedade de alguns plots e nos traz algumas surpresas bem-vindas.

como ser solteira 3.png

Mas, sem dúvidas, a trama mais interessante é justamente a de Alice (apesar da performance nada surpreendente de Dakota Johnson, com sua Anastasia 2.0). Existe uma pressão social bem grande para que encontremos um grande amor e, tratando-se das mulheres, isso é redobrado. Se para um homem ser solteirão não é um problema, para mulheres isso (ainda) traz um estigma negativo. E Alice é a jovem que nunca soube ficar sozinha, tendo sua vida orbitando em torno de uma relação; quando ela é forçada a encarar o mundo por si mesma, transformações incríveis acontecem de dentro para fora. Por mais que doa em alguns momentos, é um processo fundamental. Afinal, é impossível estar pleno e feliz ao lado de alguém quando você mesma não se conhece, e essa é a lição mais bacana que o filme traz.

como ser solteira 4.png

Como Ser Solteira é uma comédia romântica bacana, com cenas divertidas e até mesmo algumas reviravoltas. Assisti sem nenhuma expectativa e acabei me surpreendendo, pois o filme conseguiu me entreter e me fazer refletir – mesmo que de modo mais superficial. Não é inesquecível e nem vai marcar a sua vida, mas com uma pipoquinha e um cobertor vale muito a pena conferir! 😀

Título original: How to be Single
Ano de lançamento: 2016
Direção: Christian Ditter
Elenco: Dakota Johnson, Rebel Wilson, Leslie Mann, Alison Brie, Anders Holm, Nicholas Braun, Jason Mantzoukas, Damon Wayans Junior

21 comentários sobre “Review: Como Ser Solteira

  1. Priih, menina, eu jurava que já tinha visto esse filme. Mas lendo a resenha aqui, vi que certamente confundi com outro. Não é exatamente o meu estilo, mas confesso que fiquei curiosa pra conferir. De vez em quando é bom assistir algo despretensioso, só pelo simples prazer de ter algo diferente pra assistir!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

  2. “Mas quem disse que eu ligo pra clichês em comédias românticas? Gosto e assumo.” Também sou dessas rsrsrs. Eu já tinha visto o trailer desse filme ma snão me despertou tanto a curiosidade. Sua resenha me fez querer assistir hoje kkk, acho que vou procurar ele pra alugar e fazer uma pipoquinha e assistir ele hoje a noite.
    Abraços,
    Ava
    https://apenasava.com/

  3. Olá, Priih.
    Eu que o diga sobre essa pressão de ser solteira. Volta e meia vem alguém perguntar se já casou e porque não, como se solteira eu estivesse infeliz. Não tinha visto sobre o filme ainda e assim que der vou conferir.

    Prefácio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s