Lista #6: Livros com mães memoráveis

Oi gente, tudo bem?

O mês de maio foi uma loucura pra mim, por isso não consegui publicar no prazo o post da coluna Uma Amiga Indicou (uma parceria com os blogs Estante da Ale, Caverna Literária, A Colecionadora de Histórias e Interrupted Dreamer). Me perdoem pelo vacilo, meninas! 🙈

uma amiga indicou

Para maio, uma das nossas opções de assunto era o Dia das Mães, e eu fiz uma lista com livros que trazem mães memoráveis (a lista não segue uma ordem de preferência, mas sim a ordem alfabética dos livros que originaram as personagens). Espero que gostem! 😉

Sra. Lancaster – A Culpa é das Estrelas

acedeResenha | Compre aqui

A mãe de Hazel é um exemplo de força e faz tudo para que a filha tenha a vida mais confortável e plena possível, apesar das circunstâncias. As cenas das duas são bem emocionantes e é possível sentir o amor e a dedicação existentes na relação familiar.

Camilla Traynor – Como Eu Era Antes de Você

como eu era antes de voce jojo moyesResenha | Compre aqui

A mãe de Will, Camilla, também enfrenta uma situação difícil (assim como a Sra. Lancaster). Lidar com a tetraplegia do filho e com seu desejo pela eutanásia é um grande e dolorido desafio, e nem sempre ela consegue respeitar as vontades de Will. Ainda assim, o amor dela é inegável e ela não mede esforços para fazê-lo feliz.

Lilian Potter e Molly Weasley – Harry Potter

pedra filosofalCompre aqui

O que dizer da mãe cujo amor protegeu O Escolhido? Lilian não hesitou em se sacrificar para proteger Harry, e o sentimento seguiu com o garoto por toda a sua vida – inclusive impedindo o Lorde das Trevas de tocar nele. E o que dizer da segunda mãe de Harry? Molly Weasley não apenas “adotou” o garoto em sua família como também dedicou todo o amor a cada um de seus filhos. Dois exemplos de mães incríveis!

Cecilia, Rachel e Tess – O Segredo do Meu Marido

capa o segredo do meu maridoResenha | Compre aqui

Três mulheres totalmente diferentes entre si, mas com algo muito forte em comum: a maternidade e a capacidade de fazer coisas impensáveis pelo bem dos filhos. Cecilia, para protegê-los, estava disposta a guardar um segredo terrível; Rachel, que nunca superou a morte da filha, tomou atitudes extremas; e Tess “liberou” o marido para ter um caso, desde que não afetasse o filho. De maneiras imperfeitas e muito particulares, as três são exemplos de mulheres e mães memoráveis da literatura.

Marcelline Noirot – Sedução da Seda

sedução da seda loretta chaseResenha | Compre aqui

Ambiciosa e talentosa, Marcelline enfrentou diversos preconceitos em uma época que não favorecia mulheres empreendedoras. Tudo que ela faz é para dar uma vida digna à filha, fruto de um casamento que terminou com a morte prematura de seu marido. Desde então, Marcelline não mede esforços para, sozinha, criar a filha da melhor forma possível, mesmo com as adversidades.

Jean McClellan – Vox

vox christina dalcherResenha | Compre aqui

Vivendo em um futuro ditatorial no qual as mulheres podem dizer somente 100 palavras por dia, a Dra. Jean vê seu filho mais velho sucumbir ao sistema e a filha mais nova desde cedo aprender que não deve falar. Quando a oportunidade de mudar essa situação surge, Jean se envolve em um projeto complexo e perigoso, visando apenas a chance de dar um futuro melhor à sua filha.

Gostaram da lista, pessoal?
Quem mais vocês incluiriam nela? 😀

Beijos e até o próximo post!

 

17 comentários sobre “Lista #6: Livros com mães memoráveis

  1. Molly ♥
    Não conhecia esse livro Vox, mas achei super interessante pela descrição breve que fez. Vou procurar lê-lo!
    Sobre mães memoráveis, não consigo pensar em alguma que eu adicionaria. Na verdade ando SUPER mal de leitura há bons meses. Preciso melhorar isso aí!

    Beijos
    Kemmy – Duas Leitoras

  2. Desta lista apenas li “A Culpa é das Estrelas” e os livros de Harry Potter. Relativamente ao primeiro, tenho de admitir que não me recordo da mãe da Hazel… Já em relação a Harry Potter, até acrescentava a mãe do Draco à lista, que, apesar de ser mázinha, também é inesquecível, pois não deixou de ser uma boa mãe (lá à maneira dela, não é?) e a determinado momento também protegeu o Harry!

    Um bom resto de semana, Priih!

  3. Oiii Prih

    Que vergonha, só conheço a Lilian Potter e a Molly Weasley da tua lista, mas pretendo em breve ler Voz e conhecer essa outra mãe citada, a história da Jean é bem do tipo que eu gosto.

    Beijos, Ivy

  4. Olá, Priih.
    Eu amei a sua lista. Já li todos os livros citados. Acho que a situação mais dificil quem vive é a mãe do Will. Que mãe aceita uma decisão como a dele? E a de Vox que vê seu filho se tornando um fascista enquanto a filha recebe premio por não falar? Exemplos de mãe.

    Prefácio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s