Resenha: Confissões de Uma Garota Desastrada – Emma Chastain

Oi galera, tudo bem?

Hoje vim contar pra vocês o que achei de Confissões de Uma Garota Desastrada, um dos lançamentos de agosto da Editora Rocco. 😉

confissoes de uma garota desastrada emma chastainGaranta o seu!

Sinopse: Escrito em forma de diário, Confissões de Uma Garota Desastrada relata um ano na vida de Chloe Snow e sua chegada ao Ensino Médio. Estão lá os típicos dilemas de uma adolescente às voltas com o amadurecimento, as amizades e os amores. Para Chloe, a vida dela é um verdadeiro desastre: ela nunca beijou ninguém, está apaixonada pelo veterano mais desejado da escola e sua melhor amiga não tem mais nada a ver com ela. Para completar, sua mãe se mudou para o México de repente, deixando a menina sozinha com o pai. Divertido, sensível e emocionante, o livro é uma espécie de Diário de Bridget Jones para jovens, capaz de arrancar lágrimas e gargalhadas a cada página.

O livro é narrado em formato de diário por Chloe Snow, uma garota de 14 anos que está prestes a iniciar o primeiro ano do Ensino Médio. Diariamente, a menina escreve os principais acontecimentos do seu dia, além de suas preocupações, medos, alegrias e inseguranças. A principal mudança em sua vida é contada já no primeiro dia: sua mãe, uma escritora, decidiu passar uma temporada no México em busca de inspiração para o próximo livro. Isso, somado ao fato de que o Ensino Médio é uma fase marcante na vida de qualquer jovem, deixa Chloe ainda mais ansiosa (por mais que ela tente fingir que está tudo bem). E, para completar, a garota está decidida a dar o primeiro beijo e perder o BV!

Confissões de Uma Garota Desastrada é um livro leve e fácil de ler, principalmente devido ao formato de relatos diários de Chloe. A protagonista em si não é uma personagem encantadora: ela é meio mimada e irresponsável. Mas, quando lembramos que Chloe tem apenas 14 anos, as atitudes da garota fazem mais sentido. É impossível não lembrar de como era ter a idade (e as preocupações) dela: Chloe é uma adolescente, está com hormônios em ebulição, surta por qualquer coisa e quer descobrir o mundo. Familiar? Pois é! Além disso, Emma Chastain fala sobre sexo e primeiros crushes de modo muito natural e saudável, permitindo que Chloe fale e reflita sobre sua sexualidade e seus desejos.

resenha confissoes de uma garota desastrada.png

Outro aspecto interessante do livro é o modo como a autora aborda as tensões familiares. Para o leitor adulto, é nítido que o casamento dos pais de Chloe está ruindo; para uma menina que idealiza a própria família, não. Toda criança ou adolescente imagina que seus pais são almas gêmeas e que vão ficar juntos pra sempre, mas a realidade pode ser bem diferente disso. E, por mais que Chloe tente encarar a situação de modo positivo (ou até fingir não ligar), é nítido em diversas partes da trama que a garota não está sabendo lidar com a situação, vendo suas emoções transbordarem. E não é apenas o relacionamento dos pais de Chloe que passa por uma ruptura: a amizade de infância com Hannah, sua melhor amiga, também. Essa é outra abordagem bem realista de Confissões de Uma Garota Desastrada: quem nunca se afastou de um BFF sem razão? Apenas porque as mudanças aconteceram e a afinidade morreu? Eu passei por isso várias vezes, e tenho certeza de que vocês também.

O aspecto mais irritante no livro é o fato de Chloe se apaixonar por um cara comprometido e “não largar o osso”. Ela toma atitudes bem mesquinhas e egoístas – o que condiz com seu jeito mimado e sua pouca maturidade -, que tornam difícil torcer por ela. O “casal” não é nada shippável, o que eu considerei ótimo, já que eu dificilmente torço por relacionamentos que começam na infidelidade. Felizmente, a conclusão do livro foi muito satisfatória, trazendo um grande amadurecimento para a protagonista.

Confissões de Uma Garota Desastrada é um túnel do tempo que te transporta direto para a adolescência. É um livro divertido e despretensioso, que você lê e nem vê o tempo passar. É uma literatura voltada a um público mais jovem, mas mesmo os adultos conseguem se divertir (e se identificar) com as situações vividas por Chloe. Vale dar uma chance! 😉

Título original: Confessions of a High School Disaster
Série: O Diário de Chloe Snow
Autor: Emma Chastain
Editora: Rocco Jovens Leitores
Número de páginas: 320
Gostou do livro? Então adquira seu exemplar aqui e ajude o Infinitas Vidas! ❤

Livro cedido em parceria com a editora.
Esse não é um publipost, e a resenha reflete minha opinião sincera sobre a obra.
Anúncios

16 comentários sobre “Resenha: Confissões de Uma Garota Desastrada – Emma Chastain

  1. Olá, Priih.
    Eu amei essa capa e gosto muito de livros assim porque recordo de como era hehe. Teve uma época que eu cacei livros que eram tipo diário para ler na biblioteca, li todos que tinha por lá. Mas isso da protagonista não ganhar a gente, não sei se leria.

    Prefácio

  2. Oi Priih, sua linda, tudo bem?
    A separação dos pais é um assunto muito difícil de lidar mesmo, acho que independentemente do motivo, os pais deveriam conversa muito e mostrar como o filho é amado e que isso não irá mudar. Não aceito traição e da mesma forma não aceito pessoas que tentam destruir um relacionamento. Que bom que no final, parece que ela irá aprender uma lição e se tornar alguém melhor. Gosto muito de livros jovens e essa capa traz minha cor referida. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    https://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

  3. Oi Prih,
    Ah, imaginei que fosse uma leitura bem fácil mesmo por ser nesse estilo diário.
    A edição parece estar ótima, já amei a capa. E nossa, nem posso julgá-la pelo boy, meu eu adolescente passava essa vergonha também. haha

    até mais,
    Nana e Leticia – Canto Cultzíneo

  4. Apesar de não ser meu tipo de livro, achei bem interessante. Só essa capa já seria o suficiente para chamar a minha atenção, hehe. Mas não sei se teria muita paciência pra “ficar na cabeça” da mocinha (já que é sempre essa sensação que um livro narrado em primeira pessoa me dá), kkkkk

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

  5. Oi, Priih

    Que capa fofa! *–*
    Eu não leria o livro, hoje em dia ele não teria nada a me dizer, e também acho que nem se eu lesse há alguns anos eu me identificaria, já que eu nunca fui mimada e era super responsável.
    Tadavia, acho que os adolescentes se beneficiariam da história, então acho super válido.

    Beijos
    – Tami
    https://www.meuepilogo.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s