Resenha: A Conspiração Umbrella – S. D. Perry

Oi, pessoal!

A resenha dessa semana trata-se de um livro que li há alguns anos e que gostei muito: A Conspiração Umbrella, de S. D. Perry! É o primeiro volume de uma série de livros baseada nos jogos Resident Evil. Vamos à resenha? 🙂

resident

Sinopse: Este livro é fundamental para os fãs de Resident Evil que desejam entender o incidente em Raccoon City, que teve início na fabulosa mansão Spencer. Usando como pano de fundo a história do primeiro jogo da série, S. D. Perry reconta os acontecimentos registrados nas montanhas Arklay, onde ocorrências de canibalismo assustam a população. Aventure-se nas descobertas de Chris Redfield e Jill Valentine, que lutam para não serem engolidos pela escuridão eterna. Surpreenda-se ao encarar o seu próprio medo das coisas que se escondem por trás de cada porta.

Acho que todo mundo já ouviu falar ou até mesmo jogou algum Resident Evil, certo? Eu lembro que quando eu era pequena eu adorava assistir às pessoas jogando, mas morria de medo pra assumir os controles eu mesma. O clima de suspense e de tensão, o receio de encontrar um zumbi ao virar uma esquina ou abrir uma porta, a trilha sonora e a ambientação… todos esses elementos faziam com que Resident Evil funcionasse muito bem como um jogo de terror pra mim. E S. D. Perry traz todos esses pontos de maneira incrível para as páginas!

A história é basicamente a mesma do jogo: a S.T.A.R.S., uma equipe militar formada por especialistas de diferentes áreas, é enviada para investigar uma série de acontecimentos bizarros e mortes grotescas que vêm acontecendo na floresta que cerca Raccoon City. No meio de toda essa confusão se encontra uma mansão pertencente à Corporação Umbrella, uma empresa que trabalha com pesquisas genéticas, fármacos, armamentos, tecnologia, entre outras atividades. Quando a S.T.A.R.S. chega ao local da investigação, eles são atacados por estranhos cães selvagens e são obrigados a se esconder na mansão desabitada. A partir desse momento, eles percebem que as mortes causadas nos arredores de Raccoon City têm uma causa muito mais sombria, e isso se confirma quando a equipe se depara com o primeiro zumbi.

Os personagens principais são muito carismáticos. Temos no livro os protagonistas Chris Redfield e Jill Valentine, além de seus companheiros de equipe: Rebecca Chambers, Barry Burton e também o misterioso líder da equipe, Albert Wesker. Acompanhamos a equipe durante a exploração da mansão, durante as lutas contra os zumbis que aparecem pelo caminho e também durante a resolução de infinitos quebra-cabeças que existem no local, feitos com a finalidade de proteger os segredos da Umbrella. Além disso, é claro, a S.T.A.R.S. tem que enfrentar diversos tipos de mortos-vivos, que são resultado das experiências perigosas e ilegais realizadas pela Corporação. O final do livro é de tirar o fôlego e eu fiquei muito ansiosa para descobrir como a equipe faria para se salvar.

Particularmente, eu gosto muito de histórias de terror e de suspense. Li poucos livros do gênero que realmente me marcaram, mas os que o fizeram eu gosto até hoje. A Conspiração Umbrella é um desses casos. O mais interessante nesse livro é que a autora soube adaptar com maestria a história do jogo, incluindo todo o clima de tensão e de suspense que a série carrega consigo nos primeiros exemplares da franquia. Enquanto lia, eu me sentia como se estivesse com o controle do videogame nas mãos novamente, porque a maioria das cenas do jogo estava presente no livro. Nem por isso a leitura se tornou maçante ou desinteressante, a narrativa foi capaz de me prender e de me deixar apreensiva mesmo que eu conhecesse a história.

Talvez o livro seja mais atrativo pros fãs da franquia de jogos, mas mesmo assim eu acho A Conspiração Umbrella uma opção muito válida pra quem gosta desse gênero literário. O livro adapta muito bem o estilo survival horror presente no jogo e é capaz de assustar e deixar o leitor tenso e temeroso, como toda boa história de terror deveria fazer! Recomendado!

Título Original: Resident Evil: The Umbrella Conspiracy
Série: Resident Evil
Autor: S. D. Perry
Editora: Benvirá
Número de páginas: 232

Anúncios

53 comentários sobre “Resenha: A Conspiração Umbrella – S. D. Perry

  1. Oi Priih, bom dia 😀
    Acredita que eu nunca joguei Resident Evil, nem nunca tive vontade? Eu sou muito, muito, MUITO medrosa, principalmente com o tipo de coisa que “pula” na tela – isso para filmes, séries, jogos, o que for. Mas uma coisa é ver, outra coisa é ler, e sua resenha acabou me deixando muito curiosa. Li poucos livros de suspense/terror, que nem chegaram a ser tão terror assim, e eu fico curiosa para saber se posso me assustar com um livro, já que meu problema com susto é mais visual e tal. Mesmo não parecendo mais um thriller que terror puro, me pareceu um bom lugar para começar. Vou adicionar à lista do Skoob, espero poder ler um dia ^^
    Beijos e ótimo fim de semana!

    http://confissoesdeumleitor.wordpress.com/

    • Boa noite Liah! Tudo bem? 😀
      Eu super te entendo, sério! Também sou bem medrosa! Se assisto a filmes de terror eu fico mega impressionada HAHAHA! Demorei bastante até conseguir enfrentar o RE no Playstation, até porque eu queria muito jogar (a história e tudo mais sempre me chamaram a atenção, desde muito nova). E fiquei super feliz pelo fato do livro trazer a história bem fidedigna ao jogo!
      Sendo o seu problema com sustos mais visual, acho que você poderia aproveitar bem o livro, já que ele traz aquele clima tenso e psicológico, mas fica a cargo do leitor imaginar o susto em si hahaha! Se um dia você chegar a ler esse livro não deixe de me contar o que achou, hein? ^^
      Beijão, bom restinho de semana pra você!

      • Oi, Priih, tudo ótimo, e contigo? :3
        Yaay, não estou sozinha! HSIAUDHASIUDHASUIDHAUI. Eu fico mega impressionada também, sou do tipo que (literalmente) não dorme depois. É uma vergonha, mas é a verdade.
        E sim, justamente isso que quero ver. Li “Carrie, a Estranha” e “A Hora do Vampiro” e achei bem tranquilos. Tudo bem que não são os livros mais elaborados do King, mas também não são contos de fada. Quero pegar um livro mais “pesado” justamente para ver se terei esse mesmo medo infinito nos livros. Espero que não, quero poder explorar o mundo dos livros de terror, hehe. E pode deixar que contarei sim 😀
        Beijos, para ti também!

  2. Oi Prih, tudo bom??
    Adorei a postagem de hoje!!
    Não conhecia a série, mas sim, faço parte dessa maioria que jogou Resident Evil no passado, hahaha!
    Eu simplesmente adorava, acho que leria o livro com uma mega nostalgia ❤
    Beijinhos,

    Thati;
    http://nemteconto.org

    O livro "Feita de fumaça e osso" está sendo sorteado no blog. Vem participar!

    • Oi, Thati! Tudo ótimo, e com você?
      Que bom que gostou da postagem, muito obrigada ♥
      Resident Evil é um marco pra muitas pessoas, né? Eu me senti exatamente assim lendo ao A Conspiração Umbrella: nostálgica e totalmente imersa “no jogo” de novo, imaginando cada cena. *-*
      Beijão!

    • Oi Carol! Tudo ótimo, e você?
      O clima tenso e amedrontador é sensacional pra quem gosta do gênero! Por algum motivo, também nunca li mais nada baseado em games (e olha que eu adoro!). Preciso rever isso! hahaha
      Fico feliz que a resenha tenha conquistado você ♥ E espero que, se você tiver a oportunidade de ler RE, goste tanto quanto eu!
      Beijo grande!

  3. Caracas!
    Me sinto muito mal por não ter lido esse livro ainda, principalmente por ser uma amante dos filmes e jogos. Confesso que no inicio eu também morria de medo, hahaha.
    Beijos!
    Anne – auniversitaria.com

  4. Eu sou muito fã dos games e dos filmes, mas sinceramente não sei se conseguiria fazer uma leitura, seria muita coisa para absorver, é mais ou menos a minha relação com TWD, HQ série, livros…ainnnn mas mesmo assim não descarto a leitura!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    • Oi, Joi!
      Eu gosto muito de livros de terror, parece que por eu ser obrigada a imaginar a cena eu fico ainda mais tensa. Infelizmente o livro de TWD não tá funcionando tão bem pra mim como RE funcionou. 😦
      Beijos!

    • Oi Roberta! Tudo, e você?
      Quem nunca levou um sustinho quando surgia um zumbi, né? HAHAHA
      Se você curtia os jogos e os filmes acho que poderia gostar do livro também! 😉
      Beijo grande ♥

  5. Oie Pri =)

    Nunca vi e li nada relacionado com o Resident Evil, pelos simples motivo que morro de medo de zumbis XD
    Tenho amigos que são viciados, em especial nos jogos, mas eu passo longe rs…

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias…
    @mydearlibrary

    • Oi Amanda! Tudo ótimo, e você?
      Eu demorei bastante a ter coragem pra jogar RE! Sempre pulava e também largava os controles quando um bicho mais veloz corria na minha direção. 😛
      Espero que goste do livro, caso tenha a oportunidade de lê-lo!
      Abração!

    • Oi, Sofia!
      Se você curte o jogo e a temática zumbi acho que vai adorar esse livro! *_*
      Ele dá medo e é muito interessante! Além de trazer os primórdios da Umbrella e tudo mais!
      Me conta o que achou se você o ler, tá bem? ❤
      Beijão!

    • Oie!
      Acho que você vai curtir muito o livro! Além de ter todo aquele mistério por trás da Umbrella, ele é capaz de assustar e deixar o leitor bem tenso! Espero que goste tanto quanto eu gostei. 😀
      Abração!

    • Oi, Delmara!
      Eu só assisti aos dois primeiros filmes. São bem diferentes da história original. 😦
      Gosto desse gênero e também do jogo, por isso achei o livro sensacional!
      Beijos!

    • Oi Marcelo! Estou bem, e você?
      Claro, super te entendo. Infelizmente o filme não é muito fiel (apesar de eu gostar do primeiro). Prefiro infinitas vezes a história do jogo e do livro.
      E eu também não curti a capa da Benvirá. A capa antiga é mais interessante.
      Beijos!

    • Oi, Carol!
      Particularmente eu acho a história dos jogos e do livro bem mais envolvente! É menos focada na ação enlouquecida e mais no thriller, no medo mesmo, sabe? É ótimo! *-*
      Se você tiver a oportunidade de ler, eu recomendo!
      Beijão!

    • Oi, Daniella!
      Fico feliz que eu tenha te deixado com vontade de ler!
      O clima do livro é bem tenso e ele é escrito de maneira que mesmo quem não conheça a história do jogo pode gostar! 😀
      Beijos!

  6. Não acredito que nunca tinha ouvido falar desse livro!
    Eu também tinha medo de jogar quando era criança, entregava o controle quando aparecia um zumbi (e depois que os controles começaram a tremer, cara, não!) hahaha
    Mas gosto muito dos filmes, por mais que não acrescentem nada na vida de quem vê hahaha
    Enfim, já tá na lista, tenho que ler (pq sou poser).
    Curti as redes sociais 🙂
    Abraços 😉
    armadaescrita.com.br

    • Olá!
      Nossa, bem lembrado! Controles que vibravam (e, muitas vezes, quando a ação nem tinha acontecido ainda) eram pra apavorar mesmo!
      Já que você gosta do tema, super recomendo o livro! Acho bem melhor que o primeiro filme! 😀
      Obrigada por curtir, já me inscrevi no seu canal também!
      Abração!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s