Review: Kobo Glo

Oi, gente!

O post de hoje é sobre a minha mais recente aquisição: o eReader Kobo Glo! Desde que pude experimentar o Kindle 4 da minha cunhada, e pude ver com os meus próprios olhos o conforto e a praticidade dos eReaders, fiquei com vontade de comprar um pra mim. Depois de muita pesquisa, de avaliação dos prós e dos contras e de testes nos aparelhos, me decidi pelo Kobo Glo. E esse post é pra contar um pouquinho pra vocês sobre as minhas primeiras experiências com ele! Ao longo do texto, vou compará-lo diversas vezes com o Kindle, porque acho mais ilustrativo para explicar pra vocês os motivos que me levaram a escolher o Kobo. Espero que gostem! 🙂

Imagem

Tela inicial do Kobo

Bom, eu não posso começar falando sobre o Kobo sem dizer que, até o momento em que eu pude manuseá-lo, eu estava quase decidida a comprar o Kindle 4. Pelos vídeos e resenhas que eu havia encontrado, o Kindle era superior ao Kobo em diversos aspectos, como a velocidade do aparelho, o peso, a nitidez da tela, entre outros fatores. Eu também pensava que o fato do Kindle não ser touch screen e ter botões para a troca de páginas era uma grande vantagem, já que eles existem em ambos os lados da tela (ou seja, facilita para mudar de página independentemente da mão com a qual você esteja segurando) e não há o risco de esbarrar por engano e trocar a página acidentalmente. Minha cunhada deixou que eu ficasse o fim de semana com o Kindle dela e eu adorei a experiência de ler no eReader: ele era leve, a tela realmente parecia papel e a possibilidade de aumentar o tamanho das letras tornava a leitura totalmente confortável e agradável. Porém, dessa vez, a minha indecisão (que normalmente só me atrapalha) foi bem útil: um amigo se ofereceu pra me mostrar o Kobo dele, e eu pude manuseá-lo e “desmentir” diversas críticas que eu tinha lido por aí. No fim das contas, para a minha própria surpresa, tomei a decisão de comprar o Kobo.

Tela: a tela do Kobo tem 6” e conta com a “tecnologia e-ink”. Se for colocado um Kobo ao lado do Kindle 4 talvez seja possível reparar na nitidez maior do Kindle, mas, sinceramente? É praticamente imperceptível. A tela do Kobo é absurdamente confortável e parece que você está lendo em um papel. Além disso, o touch é bem mais rápido do que eu imaginava. Li diversos relatos reclamando sobre os travamentos do aparelho (acredito que seja devido ao touch), mas comigo ainda não aconteceu. Sim, ele é mais lento que o Kindle pra abrir os livros e às vezes ele demora um pouco pra trocar as páginas, mas isso não é algo que me incomoda. Na maior parte do tempo, ele é bem rápido.

Imagem

Uma das coisas que mais gosto: o descanso de tela é a capa do livro que você está lendo ❤

Imagem

Nitidez da tela

Iluminação: o Kobo tem um sistema de iluminação interna. Diferentemente de tablets e afins, a luz não é direcionada ao usuário, mas sim ao próprio aparelho. É possível controlar a intensidade da luz e ela é bastante agradável, principalmente pra quem – assim como eu – tem o hábito de ler à noite. Agora não preciso mais ficar com a luminária do meu lado pra ler (o que frequentemente me fazia forçar os olhos). Meu namorado agradece! Hahaha

Imagem

Iluminação em 100% (eu uso 20%, geralmente)

Formatos de leitura: esse não foi o maior critério de desempate que eu utilizei, mas acho que vale a pena mencionar. O Kobo é um aparelho “livre”, já que lê diversos formatos (ao contrário do Kindle, que é preso ao formato da Amazon). Entretanto, é super fácil converter livros de epub para mobi e de mobi para epub, então isso não é algo que me incomodaria muito, caso tivesse optado pelo Kindle. É muito bacana o fato do Kobo ler epub (o formato mais comum) e também mobi, que é lido pelo Kindle. Além disso, ele é capaz de ler cbz e cbr, que são formatos especiais para a visualização de quadrinhos digitais. Eu, como fã de mangás, achei um recurso muito interessante!

Bateria: o Kobo promete um mês de bateria, baseados em 30 minutos de leitura por dia. Como eu só tenho o meu Kobo há duas semanas, não posso comprovar ou refutar essa informação, até porque ele acaba carregando sempre que o conecto no computador para adicionar mais livros. A única coisa que pude observar é que ele já chegou a 76% de bateria, com aproximadamente 10h lidas e a luz interna ligada ocasionalmente, o que me faz acreditar que sim, a bateria dura bastante mesmo.

Outras impressões: infelizmente, o peso do Kobo é uma das diferenças mais consideráveis que encontrei em relação ao Kindle 4. A parte traseira acrescenta mais um pouco de espessura ao aparelho. São 15g a mais em relação ao Kindle, mas eu senti a diferença, dependendo da posição em que o seguro. Outro fator em que o Kobo fica em desvantagem é na velocidade: como eu disse, não é algo que me incomode, mas eu tenho que admitir que o Kindle é muito mais veloz tanto para abrir os livros como para trocar as páginas. Falando de pontos positivos, uma das coisas que mais gostei no Kobo foi a maior possibilidade de personalização do aparelho. Tipos e tamanhos de fonte e configurações de página e espaçamento são muito mais diversificados no Kobo do que no Kindle. Outra coisa bacana que ele oferece é o Reading Life, uma plataforma social de leitura. Com ele, é possível ver as suas estatísticas e receber “prêmios”, que você pode compartilhar no Facebook, se quiser. Não é algo necessário nem muito relevante, mas é um charme a mais.

Imagem

Espessura do aparelho

Imagem

Traseira do Kobo, disponível em 4 cores

Bom, gente… o que eu posso dizer pra vocês é que comprar um eReader vale muito a pena! Não vejo diferenças significativas entre o Kindle e o Kobo, então eu aconselho a quem tiver interesse que, se possível, manuseie cada um e analise todos os prós e contras. O meu post foi mais focado aos aspectos do Kobo, e as comparações foram mais pra exemplificar o que achei de positivo ou negativo no meu eReader. Eu estou totalmente viciada e contente com o meu Kobo e sinto que estou lendo muito mais! Antes, eu tentava lia no computador ou no celular os livros que queria experimentar antes de comprar. Geeente, era um esforço terrível, fora as distrações como Facebook e afins! Agora eu fico totalmente focada na leitura, com um aparelho que me oferece conforto e praticidade. Eu até brinquei essa semana que sinto como se eu estivesse “traindo” os meus livros físicos que estão na minha fila de espera, já que baixei vários pra colocar no Kobo. 😛 Admito que, por bastante tempo, eu fui daquelas pessoas que dizia que nada se comparava aos livros físicos e nem cogitava adquirir um eReader. De fato, eles são insubstituíveis mesmo. Entretanto, os eReaders não precisam competir com os livros de papel, eles são apenas uma ajuda a mais para a leitura! Eu mudei totalmente o meu ponto de vista a partir do momento em que pude manusear um eReader. Portanto, eu encho a boca pra dizer: meu Kobo foi a compra do ano e eu super recomendo a aquisição!

Então é isso, galera. Espero ter sido eficaz em contar pra vocês essas primeiras experiências com o Kobo. Qualquer dúvida que tiverem (e que eu souber responder) é só deixar nos comentários! 🙂

Anúncios

36 comentários sobre “Review: Kobo Glo

    • Oi, Bobbie!
      Fico feliz que tenha gostado do post, obrigada! ❤
      Então, respondendo à sua pergunta: eles se conectam à internet sim, mas o foco dos eReaders é a leitura digital mesmo. O processador deles não é feito para acessar a internet como faríamos num smartphone ou tablet. Serve mais pra atualizar o aparelho e baixar os livros que compramos.
      Beijos, volte sempre!

  1. Priscilla adorei o post, vc esclareceu muitas dúvidas que eu tinha. Não que eu deseje comprar algum pq adoro meu iPad e leio por ele mesmo. Mas se eu fosse comprar, acredito que compraria o Kobo porque só em ele ler vários formatos de texto já me convenceu. Enfim aproveite seu Kobo e sempre que puder traga novidades sobre suas experiências com ele ok!!!
    Obrigada pelo apoio lá no blog e seja sempre bem-vinda ok!!!
    Beijos querida!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    • Oi, Aline!
      Fico muito feliz por saber que o post ajudou! n_n
      Sim, ler diversos formatos facilita muito a vida, e é bacana a postura de ser um “aparelho livre”. 😀
      Obrigada, seja sempre bem-vinda aqui também!
      Beijos

  2. Oie Pri =)

    Comprei meu Kobo ano passado e não me arrependo. Claro que ele ainda não substitui os livros físicos, mas é uma ótima opção para levar para viagem ou carregar na bolsa no dia a dia ^^

    Beijos e um ótimo final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias…
    @mydearlibrary

    • Oi, Ane!
      Concordo com você, não substitui mesmo! Mas eu tô achando super útil pra conhecer os livros que tenho curiosidade e, se gostar deles, comprar os exemplares físicos depois. *-*
      Beijos!

    • Oi, Joyce!
      Muito obrigada! *-*
      Eu sugiro que, se tiver a oportunidade, experimente os dois eReaders. É a melhor forma de tirar a dúvida de uma vez por todas. 😀
      Beijos

    • Oi, Camila!
      De fato, o eReader é excelente pra levar na bolsa mesmo. É leve e mal ocupa espaço!
      Além de ser ótimo pra quando você quer conhecer um livro novo, mas não sabe se deve ou não comprá-lo 😛 heuheuhuhe
      Beijos

    • Oi, Gabi!
      A grande vantagem dos eReaders é justamente essa: ao contrário dos smartphones e tablets, eles não cansam a vista. A tela é realmente como se fosse um papel, é inclusive acinzentada. 🙂
      Eu não compro eBooks, eu baixo. Se gosto deles, compro o exemplar físico! É um meio excelente de conhecer as histórias e só comprar se realmente gostar (eu, que sou consumista, me beneficio muito ao evitar livros ruins em promoção).
      Beijos

    • Oi, Amanda!
      Eu tentava ler no computador livros pelos quais eu tinha curiosidade e não tinha $ no momento pra comprar, mas era muito cansativo. O eReader tem me ajudado muito nisso! Tenho evitado várias promoções por puro consumismo. 🙂
      Que bom que gostou da resenha, fico feliz em saber!
      Beijos

    • Oi, Cida!
      Eu tenho um app no celular pra ler ebooks, ajuda um mooonte!
      A vantagem é que dá pra aumentar a fonte, então a tela do celular não se torna um empecilho tão grande hahaha 😛
      Beijos!

  3. Certa vez eu estava pesquisando com minha mãe sobre o Kobo e o Kindle e acredito que optaria pelo Kobo na mesma hora. Mas como acabo não lendo muito por esses aparelhos e tals, acabei optando por outro aparelho.
    Super curti teu post, me tirou várias dúvidas!

    Beijão

    • Oi, Sofia!
      Fico super contente em saber que gostou do post e que pude ajudar. 😀
      Realmente, vale a pena se tu pretende utilizar bastante o aparelho, porque senão acaba ficando jogado num canto. Pra mim tem sido excelente, sinto que estou lendo muito mais!
      Beijos

  4. Oi Pri, tudo bem?
    Eu estou com vontade de comprar ume-reader há tempos. tenho um cell de 4.7 polegadas, e um tablete de 9, mas ainda sim a experiência de leitura não é muito boa. Sua resenha do kobo despertou minha vontade de adquirir um. Já testei o kindle paperwhite e gostei bastante, mas ainda não testei um kobo. Espero me decidir logo.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    • Oi, Amanda! Tudo ótimo, e com você?
      Eu comprei um Moto G no início do ano e estava lendo nele, com um app. Realmente, apesar de ajudar, é bastante cansativo. O eReader é um investimento excelente, principalmente se você já costuma ler ebooks. Eu não testei o Paperwhite, mas dizem que é muito bom (é uma linha um pouco mais sofisticada). O melhor mesmo é testar os dois aparelhos, se for possível.
      Beijos e boa sorte na escolha!

  5. Oi Pricilla. Tenho um Ipad e sempre que aparece algum e-book que quero ler muito é ele que eu uso. Mas a luminosidade da tela não ajuda e eu sempre fico com a vista cansada. Comprar um e-reader está nos meus planos, mas ainda não decidi qual. Sempre que vejo algum post como o seu, dou uma olhada pra me ajudar na escolha. Quero ter certeza pra não me arrepender depois.

    Beijos

    • Oi, Caline!
      Você faz bem: a pesquisa foi de grande importância na hora em que me decidi. Mas eu aconselho que, se possível, você teste ambas as marcas e veja qual delas satisfaz mais as suas necessidades. Eu gostei tanto dos dois aparelhos que foi super difícil escolher! Felizmente, tive a oportunidade de manuseá-los!
      Beijos e boa sorte na escolha! 🙂

  6. Se eu fosse comprar um hoje, ainda não saberia qual escolher, eu quero apenas para ler os livros acadêmicos e livros que não dou muita importância, porque se eu gostar do livro nem que seja só um pouco eu vou querer ter ele na minha estante, mas amei tudo que você mostrou e até me deu vontade de ter um kobo já, lembro que quando começou essa história de e-reader eu não queria um de jeito nenhum, achava pouco útil, eu leio e-books no Ipad e por enquanto está dando para o gasto, mas sabe como é, a pessoa vê e já quer!

    Me visita lá no:
    http://www.estandybooks.com

    • Oi, Andy!
      Eu faço justamente isso: uso o eReader pra “testar” o livro que despertou a minha curiosidade antes de investir $ (que anda curto hahaha) no livro físico. Quando gosto da história, faço questão de comprar o livro e adicioná-lo à estante. ❤
      Eu também fui resistente a aceitar os eReaders, até por preconceito. Achava que jamais seriam capazes de se igualar aos livros físicos. Mas a proposta não é essa, são coisas diferentes pra propósitos diferentes. ^^
      Fico feliz que tenha gostado do post!
      Beijos, volte sempre!

  7. Olá, parabéns pelo site! Gostei muito do review. Estou doido para comprar um e-reader mas estou esperando uma promoção… Um dúvida o Kindle 4 que você se refere é o Kindle Paperwhite? Abs

    • Oi Chris, tudo bem?
      Seja muito bem-vinda ao Infinitas Vidas! ❤ Estou adorando o ORGBlogando, quero conhecer mais das propostas!
      Se adquirir um Kobo, me conta o que achou? 😉
      Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s